Águas Belas: Ministério Público Eleitoral denuncia Roland por propaganda ilícita

O Ministério Público Eleitoral (MPE) denunciou o candidato a prefeito de Águas Belas, Roland Povoas (PC do B), por possíveis irregularidades cometidas nos dias 17 e 18 de setembro, no Garcia e em Campo Grande, respectivamente. De acordo com o MPE, Roland e seus correligionários realizaram propaganda antecipada ilícita e pedidos de voto fora do período permitido, descumprindo a Lei n.º 9.504/97 e a resolução TSE nº 23.608/2019.

O candidato do PCdob em Águas Belas acompanhado do ex-prefeito Genivaldo, segundo denúncia, fez ainda a chamada propaganda antecipada negativa, atacando explicitamente a imagem do prefeito Luiz Aroldo. Além disso, o MPE denunciou a realização de carreatas, comícios e lançamento de músicas partidárias com utilização de paredões de som, algo totalmente desvirtuado em tempos de enfrentamento à Covid-19.

Neste último caso, a defesa de Roland afirmou que não houve desrespeito às regras sanitárias. Mas o material apresentado pelo MPE em vídeo, fotográficas e áudio colocam em dúvida as afirmações do candidato. A denúncia foi encaminhada para a Justiça Eleitoral e a condenação de Roland pode chegar até 25 mil de multa multa. O número do processo é o 0600167-89.2020.6.17.0064.

 

Confira a representação do Ministério Público Eleitoral no link abaixo:

Eleitoral RepProp XXX PJAGB – pedido voto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.