Arcoverde: Multas à campanha eleitoral de Wellington da LW somam R$ 421 mil

Com a condenação de mais quatro atores ligados a campanha eleitoral do candidato do MDB à Prefeitura de Arcoverde, Wellington da LW, apoiado pela prefeita Madalena Britto (PSB), a campanha do emedebista já é recordista em multa aplicadas pela Justiça Eleitoral por descumprimento e desrespeito as determinações do Juiz da 57ª Zona Eleitoral e do Ministério Público Eleitoral. O total de débito por desrespeito à lei já soma R$ 421 mil.

Os mais recentes condenados pela prática de fake News foram os secretários de Turismo e Eventos, Albérico Pacheco; e de Agricultura, Alberto Estevam, ambos penalizados com uma multa de R$ 53.000,00 cada um. Quem também engrossa fila de condenados a pagar multa a justiça eleitoral é o atual vice-prefeito Wellington Araújo (MDB), também penalizado com multa de R$ 53.000,00.

Por sua vez, o candidato a prefeito do MDB, Wellington da LW, também recebeu nova condenação por propaganda irregular e descumprimento das determinações da Justiça Eleitoral que até as 10h desta quinta-feira (05) já somam R$ 153.000,00. Já a coligação União por Arcoverde, representada pela secretária de Saúde, Andreia Britto, filha da prefeita Madalena Britto, também já foi penalizada a pagar R$ 100.000,00 de multas.

Na conta da campanha do candidato emedebista que já foram condenados a pagar multas pela prática de propaganda irregular, fake News, ainda estão um professor defensor da candidatura de Wellington da LW, Djinaldo Galindo, multado em R$ 5.000,00 e o atual Secretário de Obras e Projetos Especiais, Aildo Bissera, também multado em R$ 10.000,00.

O total de quase meio milhão de reais de multas não tem inibido os seguidores e até mesmo o candidato pela prática de atos irregulares de campanha. O mais recente foi uma reunião política com a convocação de professores contratados, ao lado da prefeita Madalena Britto, do seu candidato a vice delegado Israel Rubis, e da Secretária de Educação, Zulmira Cavalcanti, em um buffet que foi contratado por R$ 358 mil para entregar 22 mil quentinhas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.