Arcoverde: “Violência política narrada pelo gabinete do Prefeito é falácia e tentativa de esconder a derrota eleitoral iminente”, afirma vice-prefeito

By 28/09/2022 - 21:53Pernambuco

Prezado editor do respeitado Blog Fala PE, peço humildemente o direito de resposta em relação à matéria veiculada sobre um dano nas portas de vidro do prédio da Prefeitura de Arcoverde. Preliminarmente, devo dizer que tive acesso ao Boletim de ocorrência (BOE 22E0246002186) que foi registrado às 11h09min, da última segunda, dia 26/09, cujo noticiante foi o Secretário de Controle Interno, Dr. José Aldenio Costa Ferro.

Segundo redação do boletim, por intermédio das câmeras de segurança da Prefeitura, foi possível ver o autor do fato, arremessando uma pedra nas portas de vidro do imóvel, na tarde do último domingo (25/09), portanto fora do horário de expediente, e mais ou menos no mesmo horário de uma carreata promovida pelo Prefeito Wellington e seus candidatos à Deputado Estadual e Federal (ou candidatos à Federal, já que aqui ele tem uns quatro). No BO, o Secretário de Controle Interno narra que o provável autor já teria procurado o Prefeito outras vezes, e já teria feito ameaças, presencialmente, e pelas redes sociais.

A tentativa de querer transformar a situação do dano às portas da Prefeitura em um fato político, e suscitar violência política, inclusive citando-me nominalmente, releva uma estratégia fracassada, criada por um protótipo de marketeiro, financiado com dinheiro público para plantar matérias mentirosas em blogs, tentando turbar o processo eleitoral.

Faço toda questão de que o fato dano às portas da Prefeitura seja investigado, pela Polícia Civil, minha instituição mãe. Assim como desejo também a investigação dos abusos políticos cometidos, e das intimidações e humilhações praticados contra funcionários comissionados, prestadores de serviços e terceirizados, obrigados a ir para eventos, e a fazer porta a porta. A turma do Prefeito de Arcoverde, Wellington Maciel, e seu candidato à Deputado Estadual já sente o gosto amargo da derrota eleitoral batendo a porta, e estão desesperados em busca de uma estratégia para se sair do “acocho” em que estão.

Quero, por fim, lembrar a todos de Arcoverde sobre um evento ocorrido nas eleições municipais de 2020, quando fui candidato à Vice Prefeito, na chapa de Wellington, onde um carro que foi pichado com tinta amarela, com o nome do nosso adversário político naquela época, e logo após as eleições fiquei sabendo que o fato tinha sido criado, era fake. Esse fato da porta de vidro na Prefeitura é tão fake como tinta amarela no carro, e eu estou à disposição de todas as Autoridades investigadoras para comprovar que não tenho nenhum envolvimento, e muito menos que é um caso de violência política. A única ameaça que o Prefeito sofre é de não ver seus candidatos majoritários na cidade, ficar desmoralizado politicamente, e perder a cadeira em 2024.

Delegado Israel
Vice-prefeito de Arcoverde

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.