Candidato a vice-prefeito de Carpina, Diogo Prado sofre tentativa de homicídio

Foto: A voz de Pernambuco

Durante a madrugada deste domingo para segunda, o candidato a vice-prefeito de Carpina, Diogo Prado (PSC), foi alvo de tentativa de homicídio.

O candidato voltava de Carpina para Recife e conforme informou à polícia, parou num posto de gasolina para abastecer quando foi trancado por outro carro de modelo não identificado.

Seis tiros foram efetuados contra Diogo, que foi salvo pela blindagem de seu carro.

Há pouco menos de uma semana, o candidato a prefeito, Joaquim Lapa, foi perseguido por um motoqueiro encapuzado por 10 minutos.

Histórico

Carpina tem um dos históricos mais violentos de Pernambuco, com casos sem solução até os dias atuais.

2018 – O vereador Nicó do Cimento foi morto com três tiros.

2005 – O vereador-radialista Jota Cândido foi morto com 20 tiros, após realizar denúncias.

 

Atualização às 12:31:

PSC repudia atentado contra Diogo Prado

O Partido Social Cristão (PSC) repudia de forma veemente o atentado sofrido por Diogo Prado, candidato a vice-prefeito de Carpina, interior de Pernambuco. Tentar calar as vozes da democracia é uma atitude abjeta, que exige, por parte das autoridades competentes, uma apuração rápida e uma punição exemplar dos culpados. Toda direção nacional do partido se solidariza com Diogo Prado e acompanha com atenção as investigações conduzidas pela Polícia Civil de Pernambuco.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.