Category

Pernambuco

Cais do Sertão recebe J.Borges para live na Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco

By Pernambuco No Comments

 

Xilogravurista bate-papo sobre sua obra e história, nesta quinta, às 17h. Playlist, roda de conversa sobre cinema e música são outras atrações da programação, que propõe novos olhares e conexões para repensar a preservação das artes no Estado

Recife, 12 de agosto de 2020 – O Centro Cultural Cais do Sertão dedica vasta programação online à 13ª Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco, evento da Secretaria de Cultura de Pernambuco, Fundarpe e da Gerência Geral de Preservação do Patrimônio Cultural (GGPPC). Dos dias 13 a 27 de agosto, as redes sociais do museu – perfil do Instagram, Spotify e canal do YouTube – abrigarão transmissões ao vivo de entrevistas, rodas de conversa, além de playlists temáticas e vídeos interativos sob o tema “Janelas do Patrimônio – novos olhares, estratégias e conexões”. Entre os convidados, o xilogravurista J. Borges participa de live nesta quinta-feira, às 17h.

Durante o mês de agosto, as formas de pensar, consumir e compartilhar arte são esmiuçadas em todo o Estado. “O Cais cumpre um papel importante na divulgação e preservação do patrimônio cultural de Pernambuco, então, nada mais natural que ele faça uma participação especial na Semana do Patrimônio. Neste tempo de pandemia, encontramos um novo caminho para manter o Cais funcionando. Mantemos uma programação online de qualidade, com muitos eventos, que têm agregado um novo público às redes sociais do museu e proposto discussões muito ricas”, comenta o secretário de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.

O gestor é um dos convidados da programação oficial do evento no dia 21. Ele participará da live Conexão Patrimônio – Turismo, às 16h, que vai discutir o elo entre as heranças e riquezas culturais imateriais e a atividade turística. O programa Bora Pernambucar – Turismo de Canto a Canto, que colocou na vitrine todo o potencial do interior do Estado para o Turismo é um dos temas a serem abordados.

PROGRAMAÇÃO

As ações da Semana do Patrimônio no Cais têm início nesta quinta-feira (13), às 17h, com foco nas artes visuais. O convidado é o xilogravurista José Francisco Borges, o famoso J. Borges, 80 anos, quem em 2020 foi homenageado pelo Galo da Madrugada. Em bate-papo mediado pelo educador Perácio Gondim, o poeta discorre sobre o seu processo criativo, da confecção de matrizes e gravuras, além de técnicas de gravação. A interlocução abre espaço para curiosidades de sua história, reflexões acerca do repasse de arte. A transmissão será ao vivo no instagram do museu (@caisdosertao).

Já na terça-feira, dia 18, os olhares se voltam ao audiovisual local e nacional. Integrando a programação da sessão Papo de Museu, a coordenadora de conteúdo do museu, Clarice Andrade, recebe a coordenadora da Cinemateca Pernambucana e do Cinema da Fundação, Ana Farache. A conversa será ao vivo, a partir das 17h, também no instagram do Cais. A live privilegia as ações de preservação do patrimônio audiovisual em Pernambuco, o nascimento e gestão da Cinemateca e atuação durante o isolamento social.

Em parceria com a Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) e a Revista Continente, o canal do YouTube do Cais do Sertão transmitirá uma roda de conversa ao vivo sobre “Patrimônio Audiovisual – caminhos para a preservação”. Os debatedores são profissionais renomados da área: o programador do Cinema São Luiz, Geraldo Pinho, a pesquisadora Amanda Mansur, o cineasta de animação e Patrimônio Vivo de Pernambuco Lula Gonzaga; e a cineclubista, produtora e curadora Amanda Ramos. O webinário acontece às 16h, com mediação da jornalista Luciana Veras.

Das imagens em movimento aos sons, o Conexão Cais da última quinta-feira de agosto (27) recebe o músico Raminho da Zabumba. O artista é filho do instrumentista Arlindo dos Oito Baixos. Para homenagear o legado do pai, ele participa de conversa mediada pelo educador e músico Diogo do Monte, no instagram do Cais, às 17h. A pauta contemplará detalhes da vida, composição, repasse de saberes na arte e da presença pulsante do saudoso artista no acervo do centro cultural.

Além das rodas de conversa, o internauta poderá conferir vídeos interativos e playlists especiais no Instagram e Spotify do museu. Os vídeos privilegiam o contato com a obra de J. Borges e uma visita guiada ao acervo audiovisual do Cais do Sertão, sob a mediação da educadora da casa Thalita Mesquita. E nada melhor que relembrar o nosso audiovisual com seleção sobre trilhas sonoras de filmes no Sertão. Todo o conteúdo é gratuito a todos os públicos.

SERVIÇO:

13ª Semana de Patrimônio Cultural de Pernambuco

13/8 – J. Borges: com a xilogravura, o Mestre (Conexão Cais, às 17h, no @caisdosertao);

18/8 – Cinemateca Pernambucana e a preservação do patrimônio audiovisual com Ana Farache (Papo de Museu, às 17h, no @caisdosertao);

20/8 – Roda de diálogo: Patrimônio Audiovisual – Caminhos para Preservação (YouTube do Cais, às 16h);

27/8 – A Herança Musical de Arlindo dos Oito Baixos – com Raminho da Zabumba (Conexão Cais, às 17h).

Dom Helder Câmara ganha título de Patrono dos Direitos Humanos de Pernambuco

By Pernambuco No Comments

Autor da lei nº 17.006 já sancionada pelo governador de Pernambuco, é o primeiro-secretário da Alepe e deputado estadual, Clodoaldo Magalhães (PSB)

A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aprovou uma lei que dá o título de Patrono dos Direitos Humanos de Pernambuco a Dom Hélder Câmara. O autor da Lei nº 17.006, já sancionada pelo governador de Pernambuco, é o primeiro-secretário da Alepe e deputado estadual, Clodoaldo Magalhães (PSB). Em 26 de dezembro de 2017, o líder religioso já havia sido declarado como Patrono Brasileiro dos Direitos Humanos, através da Lei Federal nº 13.581. Faltava o reconhecimento estadual.

Dom Hélder Pessoa Câmara foi um bispo católico que se destacou pela luta pelos direitos humanos e ações desenvolvidas em prol dos pobres e do povo pernambucano. Ele deixou frases que se eternizaram, como: “Quando os problemas se tornam absurdos, os desafios se tornam apaixonantes”; “O verdadeiro cristianismo rejeita a ideia de que uns nascem pobres e outros ricos, e que os pobres devem atribuir a sua pobreza à vontade de Deus”; “É graça divina começar bem, graça maior persistir na caminhada certa, mas graça das graças é não desistir nunca”.

Nascido em Fortaleza (CE), em 1909, Dom Hélder entrou para o Seminário da Prainha de São José com apenas 14 anos, onde cursou Filosofia e Teologia. Em 15 de agosto de 1931, com 22 anos, ordenou-se sacerdote, e, no dia seguinte, celebrou sua primeira missa. Em 1952, foi transferido para o Rio de Janeiro, onde viveu e evangelizou por 28 anos.

Na época, Dom Hélder desenvolveu obras sociais, fundou a Cruzada São Sebastião e o Banco da Providência, para atender os mais carentes e necessitados. Ainda em 1952, já bispo católico, Dom Helder participou da fundação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Organizou congressos buscando adaptar a Igreja Católica aos tempos modernos e a integração da Igreja na defesa dos direitos humanos.

Em 12 de abril de 1964, antes do golpe militar, Dom Hélder Câmara foi nomeado 6º arcebispo da Arquidiocese de Olinda e Recife, título que manteve até 1985. Também instituiu o “Movimento Encontro de Irmãos”, o “Banco da Providência” e a “Comissão de Justiça e Paz”. Através desses movimentos, fortaleceu as comunidades eclesiais de base. Militante da luta pelos direitos humanos, resistiu ao regime militar e se tornou um líder contra o autoritarismo.

Dom Hélder transformou-se num “gigante” na defesa dos direitos humanos durante o período da ditadura militar. Em 1970, durante um pronunciamento em Paris, denunciou a prática de tortura e a situação dos presos políticos no Brasil. Dom Helder recebeu vários prêmios internacionais, entre eles, o Prêmio Martin Luther King, nos Estados Unidos, e o Prêmio Popular da Paz, na Noruega. Em 1972, foi indicado ao Prêmio Nobel da Paz. Com quatro indicações, foi o brasileiro por mais vezes indicado ao Prêmio Nobel da Paz.

Em 27 de maio de 2014, o nosso metropolita, Dom Fernando Saburido, escreveu uma carta endereçada ao Vaticano reivindicando a abertura de processo de canonização de Dom Helder Câmara. No dia 16 de fevereiro de 2015, o Congregação para as Causas dos Santos emitiu parecer favorável, e recebeu o título de “Servo de Deus” na data de 7 de abril de 2015. Nesse mesmo ano, deu-se a abertura do processo de beatificação, em 3 de maio, na Igreja Catedral de Olinda; marco da instalação do tribunal do início da fase diocesana do processo de beatificação.

Armando Monteiro garante apoio à reeleição de Joaquim Neto

By Pernambuco No Comments

O ex-senador Armando Monteiro Neto, definiu o apoio do diretório Estadual do PTB, à pré-candidatura à reeleição do prefeito Joaquim Neto (PSDB), em Gravatá, no agreste do Estado. O apoio foi garantido em uma reunião na presença do presidente do diretório municipal, Joeides Pereira que é secretário de Governo do município.

“É indiscutível o exitoso trabalho desenvolvido por Joaquim Neto à frente de Gravatá. Uma administração pautada no desenvolvimento do município e garantida pela experiência do prefeito. E como quem planta, colhe, o prefeito tem como resultado uma excelente aprovação dos moradores de Gravatá e das pessoas que desfrutam dos bem estruturados equipamentos turísticos”, comentou Armando Monteiro Neto.

O diretório municipal foi reestruturado e além de apoiar a reeleição tem atualmente cinco vereadores que vão buscar a reeleição e trabalhar forte no apoio a Joaquim Neto.

PEC da Polícia Penal é publicada

By Pernambuco No Comments

A proposta de Emenda à Constituição que transforma os agentes penitenciários de Pernambuco em policiais penais foi publicada no Diário Oficial do Estado no último sábado (8). A PEC foi apresentada em julho pelo deputado estadual Romero Albuquerque e, agora, a proposta que adequa a Constituição Estadual à Federal criando a corporação será votada em plenário. Em Brasília, a medida foi promulgada em dezembro de 2019. 

Conforme o texto, o quadro de servidores será preenchido por meio dos atuais agentes e ainda por concurso público. O movimento nacional pela criação da nova polícia surgiu em 2017, quando o então senador Cássio Cunha Lima apresentou a Proposta de Emenda Constitucional 104, incluindo a Polícia Penal entre os órgãos estabelecidos pelo artigo 144 da CF.

No Nordeste, os estados do Ceará e Alagoas já discutem instituir a carreira e regulamentar suas atribuições e competências. Pelo texto apresentado por Albuquerque, os agentes penitenciários passarão a realizar um trabalho independente da Polícia Civil e de outras forças. Romero quer que Pernambuco também dê esse passo.

“Não é uma questão facultativa. A partir do momento em que a criação da Polícia Penal (PP) foi promulgada, os estados ficaram obrigados a organizar as atribuições desses profissionais. Inserindo a corporação na Constituição Estadual, o passo seguinte é a regulamentação por lei de iniciativa do Poder Executivo”, ele explica.

A proposta de Romero altera os artigos 101 e 102 da Constituição Estadual de Pernambuco, que tratam dos servidores responsáveis pela Segurança Pública. Com a mudança, ficarão responsáveis pela área, respeitada a competência da União, as polícias Civil e Militar, o Corpo de Bombeiros Militar e, agora, a Polícia Penal. A alteração irá conferir aos agentes o status de policial.

Albuquerque prevê benefícios para toda a Segurança Pública. “Além da responsabilidade pela segurança dos estabelecimentos penais, as principais mudanças poderão ser a liberação de policiais civis e militares de atividades como escolta de presos e a equiparação dos agentes penitenciários aos policiais em questões relativas a plano de carreira, cargos, salários”, pontua.

A proposta determina que os policiais penais deverão ter estatuto próprio, estabelecendo a organização, garantias, direitos e deveres de seus integrantes.

Silvio Costa Filho: “o povo do Recife vai se surpreender com João”

By Pernambuco No Comments

Presidente estadual do Republicanos, o deputado federal Silvio Costa Filho esteve no campo das oposições nas eleições passadas. Mas neste pleito, afirma que votará no também deputado federal João Campos (PSB), que na sua opinião, tem uma maturidade exepcional e que irá surpreender o eleitorado recifense. “João vai liderar esse novo ciclo na Cidade, montar o seu time e fazer um grande governo”. Parlamentar articulado, Silvio tem conseguido o aporte de verbas para o Estado junto aos ministérios. Apesar desse trânsito, diz que bolsonaro errou na condução da crise do Covid-19 e que perdeu a chance de unir o País. Leia a entrevista exclusiva abaixo: 

O senhor acha viável a discussão de matérias como a reforma administrativa e tributária e o pacto federativo em meio à pandemia no novo coronavírus? 
Estamos vivenciando um dos momentos mais desafiadores das últimas décadas. Além da crise sanitária, por conta da COVID 19, a crise econômica é pior que a de 1929. Infelizmente, nós vamos terminar o ano com mais de 13 milhões de desempregados, uma queda em torno de 6% a 7% do PIB, além de um déficit primário que estava previsto em R$124 bilhões e vai passar de R$850 bilhões. Precisamos, mais do que nunca, avançar na agenda das reformas, fazer o ajuste fiscal e ampliar o crédito para que o Brasil volte a crescer. 

Em relação à Reforma Tributária, o senhor acredita que a aprovação deve acontecer este ano?

Acho difícil. Mas, vou trabalhar muito para que a reforma tributária seja aprovada o quanto antes. Entendo que ela é fundamental para o país. Hoje, nós temos um sistema tributário extremamente complexo. Para se ter uma ideia, são mais de 27 legislações de ICMS diferentes e mais de 200 de ISS, o que gera muita burocracia para quem quer empreender no Brasil. Sou contra qualquer aumento de impostos, porque já pagamos uma das cargas tributárias mais altas do mundo, o que representa 33% do PIB, enquanto a média da América Latina é de 22%. Defendo que no primeiro momento possamos unificar os impostos federais e, de forma gradativa, os impostos estaduais e municipais. Não tenho dúvida de que com a reforma aprovada, vamos criar segurança jurídica, tributária e fazer com que o país volte a crescer, gerando emprego e renda para a população. 

Como o senhor avalia a condução do governo Bolsonaro na crise sanitária e a aproximação com o Centrão? 
Acredito que o presidente Bolsonaro errou na condução do enfrentamento à crise da Covid-19. Perdeu uma grande oportunidade de unir o país. Infelizmente, decidiu brigar com a maioria dos governadores e prefeitos. Faltou planejamento para enfrentar a pandemia. Mas, preciso reconhecer, o esforço do seu governo no combate à crise econômica, que, ao lado do Congresso Nacional, tem trabalhado para superar esse momento de muita dificuldade. Nós votamos um conjunto de medidas para mitigar esta grave crise, a exemplo da PEC do Orçamento de Guerra, o auxílio emergencial, a MP 938 – que ajuda os estados e municípios que tiveram queda na arrecadação e a MP 936, que atenuou o desemprego. Muita coisa já foi feita e estamos superando esse momento difícil. Os deputados do centro têm ajudado porque dialogam com a agenda econômica e não com a agenda Bolsonaro. Por isso, o governo está tendo sustentação no parlamento. 

O senhor tem realizado várias interlocuções com ministros, como o do Desenvolvimento Regional,  Rogério Marinho. Este movimento o coloca no papel de articulação com o Governo Federal e Estadual? 
Olha, quando me elegi deputado federal, fiz questão de visitar o governador Paulo Câmara e me coloquei à disposição para ajudar Pernambuco. Tenho dialogado com ele e com vários secretários. Independente de diferenças pontuais, o que está em jogo são os interesses do Estado. Por exemplo, fui procurado pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, para ajudar nas obras de dragagem do Porto do Recife, ação muito importante para o escoamento da produção. Ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, conseguimos viabilizar mais de R$32 milhões. Esse tem sido o nosso papel. Todas as vezes que o governador e os prefeitos me procurarem e estiver ao nosso alcance, vamos trabalhar para ajudar Pernambuco.

O senhor foi cogitado como pré-candidato à Prefeitura do Recife. Como estão as conversas do Republicanos com os partidos na Capital e em todo o Estado? 
Meu nome foi lembrado para disputar a Prefeitura do Recife, mas isso nunca esteve no meu radar. O nosso projeto é Pernambuco. Tive a oportunidade de assumir a presidência do meu partido, o Republicanos, e hoje já temos sete prefeitos e mais de 130 vereadores. Ao lado dos deputados Ossesio Silva e William Brigido estamos estruturando o partido e teremos mais de 40 candidaturas a prefeito nas próximas eleições. Estamos crescendo, sobretudo, na qualidade dos nossos quadros. É claro que tenho o desejo de disputar uma eleição majoritária, pode ser em 2022 ou 2026, tenho tempo. Hoje, o foco é me dedicar ao mandato de deputado federal e ajudar o Brasil.

O Republicanos já definiu quem vai apoiar para prefeito do Recife? 
Nós vamos votar em João Campos para prefeito. Tenho  certeza que o povo do Recife vai se surpreender com João, pela sua qualificação, capacidade de trabalho e preparo para governar a cidade. João é um jovem muito maduro, primeiro pela dor de ter perdido um pai da forma que perdeu. Segundo, porque se preparou desde cedo. Tenho confiança que ele vai surpreender muita gente. Lembro que em 2006 alguns tinham preconceito com o ex-ministro Eduardo Campos, candidato a governador, sobretudo na classe média alta.  Quatro anos depois, aqueles que o criticavam, votaram nele na sua reeleição. João vai liderar esse novo ciclo na cidade, montar o seu time e fazer um grande governo. Uma gestão inteligente, que tenha um olhar para o social, mas que busque o desenvolvimento econômico da cidade.

Com o seu retorno à Frente Popular, o senhor espera que o partido participe da gestão socialista no âmbito municipal e estadual?
Olha, esse assunto não está em discussão.

FOLHA PE

Após pedido de Rodrigo Novaes, PE 360 e a PE 390, serão recuperadas

By Pernambuco No Comments

Blog O Povo com Notícia

Boa notícia para a população de Floresta, Ibimirim e Serra Talhada. Como resultado de pedido feito pelo deputado estadual licenciado Rodrigo Novaes à secretária Fernandha Batista, da Secretaria de Infraestrutura do Estado, serão recuperadas a PE 360 e a PE 390. O trabalho deverá ser iniciado já na semana que vem.

A primeira via liga Ibimirim a Floresta e a segunda é responsável por unir Floresta a Serra Talhada. Para garantir a segurança da população e dos motoristas, será executado ainda serviço de capinação nas áreas.

Armando Monteiro define apoio às pré-candidaturas a prefeito em Itapetim e em Bezerros

By Pernambuco No Comments

O ex-senador Armando Monteiro anunciou seu compromisso e o apoio do PTB estadual com as pré-candidaturas de Lucielle Laurentino(DEM), à Prefeitura de Bezerros, no Agreste, e de Anderson Lopes (PTB) em Itapetim, no Sertão do Pajeú.

Em Bezerros, Luciele vem desde 2018 protagonizando o debate da renovação da política com novas práticas e novos quadros com jovens e mulheres na política.

“Luciele está pronta, um quadro forte de oposição, que veio de raizes simples e sólidas. Nós acreditamos nela e vamos ajudar construir esse projeto”, explicou Armando.

Em Itapetim, Armando reconhece a liderança do advogado Anderson Lopes para o município. Filho do ex-prefeito Zé Lopes, “vem de uma tradição familiar que a cada geração só demonstra o desejo de ver Itapetim cada vez mais desenvolvida e gerando oportunidades para os seus moradores”, ressaltou o presidente de honra do PTB estadual.

Cadeias, presídios e penitenciárias voltam a receber visitas presenciais; veja protocolos

By Pernambuco No Comments

Depois de mais de 140 dias de suspensão, as visitas presenciais em presídios, penitenciárias e cadeias públicas de Pernambuco serão retomadas neste sábado (8). A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) elaborou duas portarias com regras e orientações aos visitantes – uma para familiares e outra para advogados. Neste primeiro momento, apenas um parente do detento poderá visitá-lo. O encontro terá duração de, no máximo, duas horas.

O familiar deve ter idade entre 18 e 60 anos. As visitas só acontecerão a cada 15 dias. Caso o parente ultrapasse o limite horário máximo, será aplicada a sanção de interrupção, nos termos do artigo 103 da Lei 15.755/2016 do Código Penitenciário de Pernambuco. Os horários serão aos sábados e domingos, divididos pelo último número do prontuário do preso. Serão obrigatórios o uso de máscaras e a higienização de mãos, pés, calçados e bolsas na porta de entrada, entre outras medidas.
Já os advogados realizarão os atendimentos nas segundas, quartas e sextas, das 8h às 17h, com tempo de permanência máxima de 40 minutos por preso. Serão permitidos apenas três custodiados por advogado, entre outras restrições. A liberação das visitas presenciais não é uma decisão permanente e poderá ser revista mais adiante, dependendo do quadro epidemiológico do estado. Confira os protocolos completos para a visita neste link.
“Muitas vidas foram salvas no sistema prisional do estado e fora dele também devido a esse período de interrupção de visitas e isolamento social. Conseguimos minimizar os impactos da pandemia, contrariando as expectativas dos mais pessimistas”, diz o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.
No caso de pessoas que tenham sido presas durante o período de suspensão – 20 de março a 7 de agosto – o parente deverá fazer um pré-cadastro até esta sexta (7), no Sistema Integrado de Administração Prisional (SIAP) – www.siap.pe.gov.br -. Em seguida, devem ligar para a unidade prisional a fim de agendar dia e horário para a coleta da biometria e registro fotográfico.
VideochamadaEnquanto as visitas presenciais estavam suspensas, a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) adotou o recurso de videochamadas para diminuir a distância entre familiares e detentos. A medida foi implantada em 18 de maio, em 23 unidades prisionais pernambucanas. O contato acontece uma vez por semana, com a duração de até três minutos, numa sala reservada – onde fica o tablet ou o celular -, e sob supervisão de um servidor da unidade prisional.
Os 30 smartphones e dez tablets foram doados pela Secretaria de Educação de Pernambuco. Até esta quinta (06/08), foram realizadas mais de 16 mil visitas virtuais em todo o estado. Os dias e horários são definidos de acordo com a rotina da unidade. Mesmo com a retomada das visitas presenciais, os encontros virtuais seguem mantidos.

Diário de Pernambuco

Amaraji: Engenheiro Agrônomo chama atenção para a importância da regulagem correta de pulverizadores

By Pernambuco No Comments

 
Tempo chuvoso e cresce ainda mais a necessidade de o agricultor cuidar de sua lavoura. E a tecnologia é uma grande aliada para alavancar o teto produtivo agrícola.
O engenheiro agrônomo, Junior Gouveia, tem dicas importantes para aumentar a eficiência, segurança, conforto e capacidade operacional das máquinas de calibração de pulverizadores. “A operacionalização correta dessas máquinas aumenta a produtividade do cultivo. É comum encontrar máquinas novas ou com pouco tempo de operação desempenhando trabalho insatisfatório. No caso dos pulverizadores, essa realidade é visível pelas falhas nas aplicações que, muitas vezes, deve-se a manutenção ou a calibração incorretas ou, até mesmo, não realizadas”, pontua o engenheiro.

Ao defender a aplicação correta da técnica, Gouveia explica, por exemplo, que o tamanho de gota deve ser compatível com o modo de aplicação, com as condições ambientais e com o produto utilizado. “Por isso, a importância do agricultor ter a orientação de um profissional para o manuseio correto das máquinas de calibragem”.
Gouveia defende a aplicação com respeito às normas técnicas na produção de cultivos. “A pulverização deve considerar os fatores ambientais no momento da atividade, conhecimento sobre aplicação correta dos produtos e a calibração correta dos equipamentos, para que as atividades ocorram de forma adequada, refletindo diretamente no menor dano ambiental, redução de litígios em áreas agrícolas e redução dos custos de produção”.

Ajustar corretamente o equipamento eleva a produtividade e reduz custos com agroquímicos em até 30%, ainda de acordo com ele. “É possível diminuir consideravelmente as perdas, com o ajuste correto das máquinas pulverizadoras”, garante o Gouveia.

Ainda de acordo com ele, quando não há um acompanhamento e a aplicação adequada da pulverização, as consequências negativas podem ser geradas, desde a contaminação ambiental até a redução da rentabilidade da lavoura. “A má calibração do equipamento resulta em aplicações de doses incorretas dos defensivos agrícolas, que podem contaminar o solo, a água, os vegetais alvo da pulverização colocando em risco toda a produção.

A calibração mal feita pode gerar também o aumento do custo da pulverização, a partir da necessidade de acréscimo na quantidade de produto aplicado ou da necessidade de reaplicação, fator que gera maiores custos com mão-de-obra e combustível”, explica acrescentando que o Vale do São Francisco evoluiu bastante em muitos fatores da produção de frutas, se tornando uma das regiões mais tecnificadas no cenário mundial da agricultura, mas a tecnologia de aplicação não acompanhou o mesmo desempenho evolutivo de outros fatores de produção. “Precisamos muito evoluir nesse aspecto”, finaliza.

Mônia Ramos/Jornalista

Pernambuco terá 47 agências da Caixa abertas no sábado

By Pernambuco No Comments

Pernambuco terá 47 agências da Caixa Econômica Federal abertas nesta sábado para atender os beneficiários do Auxílio Emergencial e também do Saque Emergencial do FGTS. O horário de funcionamento será das 8h às 12h. O saque em espécie do Auxílio Emergencial poderá ser feito pelas pessoas nascidas de janeiro a abril. Já o saque do FGTS Emergencial poderá ser feito pelos trabalhadores que nasceram em janeiro e fevereiro. O calendário foi organizado para evitar aglomerações nas agências e unidades lotéricas. Para conferir a lista de agências que estarão abertas no sábado, clique aqui.

A Caixa garantiu que todas as pessoas que chegarem nas agências no horário de funcionamento serão atendidas, assim como vale durante a semana, entre 8h e 14h, ressaltando que não é preciso madrugar na fila. A partir deste sábado, 3,8 milhões de beneficiários nascidos em abril poderão sacar o benefício nos caixas eletrônicos, lotéricas e correspondentes Caixa Aqui, além de transferir os valores para contas da Caixa e outros bancos. Além deses, mais de 300 nascidos de janeiro a abril da nova leva de elegíveis e que tiveram o benefício liberado na segunda-feira passada também terão direito.

Em relação ao FGTS, os trabalhadores nascidos em fevereiro que não movimentaram a conta Poupança Social Digital ou que tenham saldo remanescente podem fazer o saque em dinheiro. Também é possível fazer a transferência via aplicativo Caixa Tem para outra conta. Já para os trabalhadores nascidos em julho, a Caixa credita o Saque Emergencial FGTS na conta Poupança Social Digital a partir de segunda. Serão liberados, nesta etapa, R$ 3,2 bilhões.

DIÁRIO DE PERNAMBUCO