Orobó: Chaparral tira onda com a Justiça

Orobó - Chaparral

Chaparral foi eleito em 2012 e assumiu o controle do município em 2013. Já em 2013, o prefeito assinou um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com o MPPE (Ministério Público de Pernambuco) e a CPRH(Agência Estadual de Meio Ambiente), se comprometendo a sanar as irregularidades do Lixão de Orobó.

O Lixão está localizado nos limites da área urbana,  onde moram mais de 50 famílias nos arredores, e fica aproximadamente há 1 km do Rio Tracunhaém, 500 metros do Riacho Tabosa, 550 metros do Riacho Laureano, que fica entre a cidade de Orobó e o Sitio Salobro, onde existem diversos açudes e criação de gado, porcos, três grandes granjas com parceria com  a empresa Mauricéa e com a Frango Dourado com capacidade instalada de mais de 100 mil frangos a cada 42 dias, e em plena atividade.

Orobó - Lixão fogo

Nos 2 mandatos do atual prefeito, passaram 3 promotores para solucionar o caso, mas o TAC ficou apenas na assinatura mesmo. O prefeito enrolou tanto, que encerrará seu segundo mandato e deixará o problema do mesmo jeito que encontrou.

Agora se o Lixão fosse em Casinhas, será que o problema estaria resolvido?

Orobó - Lixão

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.