“Danilo oferece as melhores chances paraacordos salariais de servidores”, diz Sindserpe

By 19/09/2022 - 16:00Pernambuco

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Estado de Pernambuco (Sindserpe), Renilson Oliveira, disse na última sexta-feira (16) que o melhor projeto político para a categoria nesta eleição local é o de Danilo Cabral, candidato ao governo do estado pela Frente Popular. “Danilo representa um projeto de diálogo com os servidores, a manutenção da mesa geral de negociação e representa as melhores chances para avanços em um futura mesa de negociação de 2023. É importante que a gente tenha isso claro na nossa cabeça”, afirma Renilson. A declaração de apoio à campanha de Danilo, segundo Renilson, foi debatida pela diretoria do sindicato. O incentivo do presidente do Sindserpe à campanha de Danilo vem embalada pelos resultados obtidos pela categoria após a última rodada de negociação, em fevereiro deste ano, e considerada uma das melhores em termos de conquistas e resultados financeiros para o funcionalismo público.

“Foi uma mesa que começou de forma tímida, mas evoluiu para a construção com o governo do estado. Foi um resultado muito positivo”, analisa Renilson. Embora o governo do estado tenha sofrido com a falta de ajuda do governo Bolsonaro, foi um bom acordo para os servidores. Na ocasião em que o acordo foi firmado, Renilson afirmou em matéria do jornal do sindicato que “o processo de debates foi muito elevado” e comemorou a construção de uma proposta melhor para os servidores. “Evidentemente, enquanto sindicalista, posso apresentar críticas ao governo futuro, mas hoje nessa definição de qual o melhor para o funcionalismo público, posso dizer que apostamos na eleição de Danilo Cabral, representando a Frente Popular”, completou Renilson.

Vale lembrar que a primeira Mesa de Negociação dos Servidores instalada em Pernambuco foi a partir de uma iniciativa de Danilo quando secretário de Administração da gestão de João Paulo como prefeito do Recife (2001 – 2008). A iniciativa possibilitou a implantação de uma política de valorização dos servidores, garantindo qualificação, reajustes salariais e a criação do Plano de Cargos e Carreiras. Esse modelo de escuta e discussão salarial em conjunto com os servidores foi levado para a gestão estadual no governo Eduardo Campos (2007-2014).

Hoje, segundo o Sindserpe, o estado de Pernambuco conta com cerca de 125 mil servidores na ativa, 60 mil aposentados e 30 mil pensionistas na folha do estado. O Sindserpe é o primeiro sindicato criado dentro da esfera pública e representa cerca de 25 mil servidores; tem voz ativa e mobilizadora porque compõe a direção da Central Única dos Trabalhadores (CUT/PE) ao lado de outras categorias representativas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.