Decisão judicial mantém candidatura de Charbel a prefeito do Recife

O juiz da Terceira Zona Eleitoral do Recife, que havia indeferido a candidatura da chapa majoritária do Novo para a prefeitura da cidade – composta pelo Procurador Charbel e André Teixeira -, suspendeu sua própria decisão após recurso do partido. O processo agora será julgado no pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco. Charbel festejou a decisão.

“Conseguimos a primeira vitória. Não é fácil se candidatar nas atuais circunstâncias, dar a cara a tapa, abdicar dos momentos com a sua família, pelo partido Novo. O sistema não gosta da gente. Eu sei que toda vez que falamos e agimos contra a existência do Fundão, quando defendemos o enxugamento da máquina estatal e quando defendemos a liberdade do cidadão em sua integralidade, somos vistos como inimigos. Inimigos do status-quo, que se apropria do dinheiro do pagador de impostos para perpetuar-se no poder”, postou Charbel em suas redes sociais.

Mesmo após a primeira decisão do juiz, Charbel não parou com sua campanha. Ele seguiu cumprindo agenda, com visitas às comunidades carentes e concedendo entrevistas para a imprensa. Agora, após o êxito obtivo com o recurso, o candidato do Novo garante que sua motivação só aumentou para o “desafio”.

“Mas a nossa candidatura é necessária. O Recife precisa de um gestor competente, que conhece a máquina por dentro, e que defende que o único caminho viável é começar a devolver o poder para as pessoas. Eu sou o único preparado para este desafio. Temos incomodado muitas pessoas, mas continuaremos firmes na nossa jornada”, acrescentou o procurador municipal.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.