“É um funcionário público que deve estar à disposição da população”, diz Andreza Romero sobre papel do vereador

Defensora da causa animal, candidata a vereadora do Recife falou sobre suas propostas

Construir um abrigo temporário para resgatar os animais abandonados. A proposta é da defensora de animais Andreza Romero, candidata a vereadora do Recife pelo Progressistas. Natural da capital pernambucana, a empresária e bacharel em Direito é o principal nome da causa animal da cidade concorrendo a uma vaga no Legislativo municipal esse ano. Além da construção do lar temporário para animais de rua, Andreza também promete destinar recursos para ampliar a rede pública de assistência veterinária.

Além de ser um novo nome para a Câmara Municipal do Recife, Andreza também é jovem. Com apenas 23 anos, a protetora tem um vasto histórico de ações voltadas à defesa dos animais. Para o futuro, ela diz que se preocupa com viabilizar uma estrutura maior para os animais do Recife. Entre as soluções para uma das maiores demandas da capital pernambucana – o número de animais abandonados, especialmente cães, gatos e cavalos, é cada vez maior -, ela aponta a implantação de um projeto de ampla castração de animais abandonados.

“Nossa principal proposta é tornar o Recife uma cidade sem animais nas ruas. Não será fácil, mas nós sabemos que é possível fazer, é possível construir um caminho. Vamos trabalhar de forma sistemática, destinando recursos aos órgãos competentes e investindo recursos próprios na viabilização desses projetos. A causa animal precisa de várias legislações, e nós temos projetos para o setor. Vamos nos movimentar para suprir a deficiência causada pelo descaso do poder público em relação aos animais”, Andreza garante.

A protetora, que busca ser eleita pela primeira vez, garante que sua atuação na Casa de José Mariano será ouvindo a população e buscando recursos que possibilitem mais serviços e direitos aos cidadãos. “O vereador é um funcionário público que deve estar à disposição da população. Ele precisa ir aonde for chamado. Vou cumprir com minha obrigação de parlamentar, legislando e fiscalizando, acompanhando de perto os contratos, as prestações de contas, mas não ficarei presa a esse automatismo. É claro, há coisas que não estão entre as atividades do vereador, mas quem representa as pessoas precisa estar em busca de oportunidades para fazer mais”, ela reflete.

Em tom de crítica, Andreza acrescentou que será uma voz ativa na Câmara Municipal em defesa do interesse da população, apresentando projetos relevantes para a sociedade e não apenas “propostas sobre nomes de ruas, datas oficiais e homenagens”. “As propostas precisam beneficiar a população. A causa animal é nossa principal bandeira, mas a população recifense tem necessidades que precisam ser supridas pelo poder público”, disse. A protetora promete que, se eleita, levará projetos e debaterá sobre educação, habitação, saúde, trabalho e outros temas.

Outros projetos de Andreza são a criação do Programa Saúde Animal, uma parceria entre o governo municipal e clínicas veterinárias particulares que permitirá que protetores independentes e tutores de baixa-renda possam cuidar dos seus animais em unidades além do Hospital Veterinário do Recife. Para este, a protetora promete recursos para ampliação e lutar para torná-lo uma unidade de atendimento 24 horas. Além disto, a candidata já sugeriu a criação de um voucher que permitirá que a Prefeitura contribua com a manutenção de abrigos e ONG’s de proteção animal.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.