Eduardo da Fonte sugere a Bolsonaro a retomada do Renda Brasil e aponta fontes de recursos para financiar o programa

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) sugeriu ao presidente da República, Jair Bolsonaro, a retomada do Renda Brasil ou a ampliação e aperfeiçoamento do Bolsa Família, que deve atender mais de 15 milhões de famílias em 2021.

O parlamentar apresentou uma lista de fontes de recursos que podem servir como financiamento do programa social, como taxação de grandes fortunas, aumento da alíquota de contribuição social de instituições financeiras e a destinação de parte do lucro do Banco Central, entre outras sugestões.

“Conseguimos ampliar o Bolsa Família ou criar o Renda Brasil sem impor retrocessos. Trabalhamos para manter os direitos dos aposentados e de quem recebe o BPC. Nossa proposta distribui renda principalmente onde ela mais se concentra: nas instituições financeiras. Os bancos precisam ajudar no combate à desigualdade social”, destacou Eduardo da Fonte.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.