Em Brasília, Noé Magalhães fala em defesa da enfermagem

By 14/05/2021 - 18:49Mata Sul

O prefeito da Água Preta, em viagem a Brasília, aproveitou para defender a enfermagem, entrando na luta pela valorização da classe.

A luta pela regulamentação das 30 horas semanais como carga horárias para a categoria já dura mais de duas décadas. Segundo o prefeito, a valorização da categoria é urgente.

Outra reivindicação da classe é o piso salarial nacional.

De acordo com o prefeito da cidade aguapretana: “É preciso reconhecer e valorizar todas as classes da saúde. A pandemia tem evidenciado a importância dessas profissões e reconhecer esses direitos é questão de dignidade. As classes precisam ser valorizadas e os profissionais respeitados.”

Para o prefeito, a jornada de trabalho de 30 horas vem a garantir a não sobrecarga do profissional que muitas vezes enfrentam dias turbulentos nos corredores dos hospitais.

Ao lado do prefeito levantou sua voz, também, o depurador estadual Clodoaldo Magalhães, colocando-se à disposição na luta pela valorização da enfermagem.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.