Em Camaragibe, ações durante quarentena mais rígida intensificaram fiscalizações e assistência à população

Fotos: Aline Sales

Entre os dias 16 e 31 de maio, durante período de quarentena mais rígida decretado pelo Governo do Estado, a Prefeitura de Camaragibe intensificou as medidas de fiscalização, reforçou a limpeza das ruas e a assistência à população, atendendo os bairros de Céu Azul, Loteamento São Jorge, Tabatinga, Vera Cruz, Bairro dos Estados, Bondade de Deus, Centro e Santa Mônica.

Nesse período de 16 dias foram entregues cerca de 20 mil máscaras de proteção individual e distribuídos 3.100 kits de higiene e limpeza. Também aconteceram atendimentos médicos durante operação, com aferição de pressão e medição de glicose e temperatura corporal – 979 pessoas foram beneficiadas.

A Operação Choque de Ordem, realizada pela equipe do Controle Urbano, Polícia Militar, Guarda Municipal (Romu), Bombeiros, Vigilância Sanitária e Ampevisa, realizou fiscalização em 93 estabelecimentos. Foram fechados 67 estabelecimentos; advertidos 42 ambulantes; apreendidas mercadorias irregulares; fechados 11 bares e notificados estabelecimentos. No trânsito, a Guarda Municipal realizou ao todo 389 abordagens de veículos; abordagens de ciclistas e de pedestres.

Além disso, também houve a entrega de cerca de mil cestas básicas aos ambulantes do entorno da Rua Eliza Cabral e permissionários do Mercado Público e outros polos comerciais cadastrados na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que estão com as atividades paralisadas.

“Essas ações foram extremamente importantes para impedirmos a propagação do coronavírus. A quarentena mais rígida terminou, mas as determinações de isolamento social continuam em Camaragibe, assim como as fiscalizações em estabelecimentos comerciais não essenciais. É preciso continuar nessa força tarefa para que possamos continuar combatendo esse vírus tão prejudicial”, destacou a prefeita Doutora Nadegi.