Gabinete de Acompanhamento de Crise do MPPE vai até a comunidade do Jardim Monte Verde

O Gabinete de Acompanhamento de Crise do Ministério Público de Pernambuco foi até um dos locais mais atingidos pela tragédia das chuvas em Pernambuco, a comunidade de Jardim Monte Verde, no limite entre o Recife e Jaboatão dos Guararapes. O grupo de promotores esteve no local, onde identificou as principais carências das pessoas, neste momento difícil, foi prestar solidariedade ao povo e garantir que o MPPE cumprirá seu papel constitucional, atuando em várias frentes.

“Aproveitamos, também, para ressaltar nosso apoio e respeito aos profissionais que estão atuando na linha de frente da tragédia, em especial, os bombeiros militares, os militares do Exército Brasileiro, os integrantes da Defesa Civil e os voluntários. Fizemos questão de ouvir as pessoas envolvidas “nesse cenário de catástrofe” para levarmos ao nosso Gabinete de Crise informações importantes, a fim de subsidiar a elaboração, em conjunto, de uma recomendação para todos promotores de justiça que atuam nessas cidades afetadas e em situação de emergência declarada, visando uma atuação uniforme”, comentou o procurador-geral de Justiça, Paulo Augusto de Freitas Oliveira, que foi acompanhado do Secretário-Geral do MPPE, Maviael Souza, o coordenador do CAO Defesa Social e Controle Externo da Atividade Policial Rinaldo Jorge da Silva e assessor-técnico da Procuradoria-Geral de Justiça, Luís Sávio Loureiro.

Segundo o coordenador, Rinaldo Jorge da Silva, o ponto de trabalho visitado, conta com a disponibilização de 30 homens do Corpo de Bombeiros, que estavam divididos em dois grupos de buscas por corpos de pessoas soterradas. “Durante nossa visita constatamos que o material e as ferramentas de serviço estão adequadas para as buscas na área soterrada, além do pessoal especializado em desastres e o uso de cães. Ainda na visita pudemos identificar o local do Centro de distribuição de doações da região montado pelos voluntários e verificamos suas maiores demandas”, complementou o coordenador.

Panorama – Pernambuco registra mais de seis mil desabrigados por conta das chuvas, mais de cem mortos e já são 24 municípios pernambucanos que decretaram situação de emergência no Estado.

SOS Pernambuco – O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), atuando em várias frentes, iniciou campanha de arrecadação de doações para os desabrigados. Os interessados em ajudar podem levar alimentos não perecíveis, água, material de limpeza, fraldas, roupas de cama e banho, produtos de higiene pessoal e roupas, para as unidades do MPPE da Região Metropolitana do Recife (RMR).

Locais de arrecadação:

Edifício Roberto Lyra (Sede da Procuradoria-Geral de Justiça), na Rua do Imperador Pedro II, 473, Bairro de Santo Antonio, no Recife.

Centro Cultural Rossini Alves Couto, na Rua do Hospício, 875, Boa Vista, no Recife.
Associação do Ministério Público de Pernambuco (AMPPE), na Rua Benfica, 810, na Madalena.

Sede das Promotorias de Justiça de Olinda, na Avenida Pan Nordestina, 646, Vila Popular.

Sede de Promotorias de Justiça de Jaboatão dos Guararapes, na Avenida dos Guararapes, 3600, Bairro Guararapes.
Sede de Promotorias de Justiça de Goiana, na Avenida Nunes Machado, 09, Centro.

As doações seguirão para as Prefeituras do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Goiana, respectivamente.

Fotos: Priscilla Buhr/AMCS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.