Igarassu promove reunião de avaliação do Plano de Contingência da Defesa Civil

FOTO: Gustavo Guerra

A cidade recebeu, via Governo Federal, o valor de R$1 Milhão e 200 mil, para ações humanitárias que irão promover melhorias no município após os alagamentos

Representantes de vários órgãos da prefeitura de Igarassu, com a coordenação da Defesa Civil municipal, estiveram reunidos na manhã desta terça-feira (21), no auditório do Complexo de Tecnologia, Empreendedorismo e Negócios (CTEN) do município, para reunião de ajustes e avaliação do Plano de Contingência da Defesa Civil.

A prefeita professora Elcione Ramos participou do encontro neste dia, em que se iniciou oficialmente a estação do Inverno, e avaliou a força-tarefa das secretarias que atuou no temporal que alagou a Região Metropolitana do Recife (RMR).  Participaram ainda, o vice-prefeito Amaury Henrique e a Câmara Municipal, que também faz parte do Plano, representada por alguns vereadores. 

Para a professora,   a mobilização de todos e o trabalho preventivo contribuiu para que o município não registrasse óbito decorrente da chuva forte. 

“Formamos um time e todos com sua importância neste trabalho, aqui colocamos o pé na lama e mostramos que não temos uma função, e sim uma missão para zelar por nossa gente. Nossa cidade foi a segunda mais atingida pelo temporal e aqui, perdas materiais ocorreram, mas as vidas importam muito, agradeço a toda equipe, que não deu trégua ao cansaço.   Em nome do coordenador da Defesa Civil, Evaldo Brito, carinhosamente conhecido por Seu Nino, subtenente do Corpo de Bombeiros e com larga experiência em desastres parabenizo a dedicação das equipes em pôr em prática o nosso Plano de Contingência”, ressaltou a prefeita Elcione. 

Igarassu recebeu, via Governo Federal, o valor de R$1 Milhão e 200 mil, para ações humanitárias que irão promover melhorias no município após os alagamentos deste mês de junho, onde índices pluviométricos de chuvas foram considerados fora da normalidade. 

O programa Recomeçar seguiu para a Câmara Municipal da cidade e através do projeto de lei, a gestão vai oferecer auxílio emergencial de R$3.000 para quem perdeu seus bens nas chuvas. “O nosso povo precisa recomeçar”, destacou a prefeita. 

O vice-prefeito Henrique lembrou que a união fez com que a cidade não registrasse mortes provenientes da enchente.  “Não somos melhores que ninguém, mas somos uma equipe aguerrida e que servimos ao povo de Igarassu”, frisou o gestor. 

Também integram o Plano de Contingência as pastas da Assistência Social, Governo, Saúde, Educação, Meio Ambiente, Obras, entre outras.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.