Indústria automotiva em Pernambuco segue ampliando investimentos

Foto: Aluísio Moreira/SEI

Novas empresas da cadeia de fornecedores da Jeep, Benteler e Itaesbra abrem suas portas em 2021, gerando 380 postos de trabalho e um aporte de R$ 357 milhões

Pernambuco se consolida cada vez mais como polo atrativo de investimentos. O governador Paulo Câmara visitou, nesta quinta-feira (14.01), dois empreendimentos que ajudarão a desenvolver ainda mais a indústria automotiva no Estado. Localizadas no município de Igarassu – Região Metropolitana do Recife – a fábrica da Benteler, multinacional alemã já em operação, e a planta da Itaesbra, ainda em fase de construção, farão parte do parque de fornecedores do Polo Automotivo Jeep, em Goiana, atuando na área de confecção de peças para a fabricação dos veículos. Ao todo, foram realizados investimentos da ordem de R$ 357 milhões, e cerca de 380 postos de trabalho foram criados nas duas fábricas.

“Tivemos a oportunidade, hoje, de visitar dois empreendimentos em Pernambuco: a fábrica da Itaesbra, que fica pronta agora em abril, e a da Benteler, que já é uma realidade desde 2020. Ambas são fornecedoras da fábrica de automóveis da Jeep e geram muito emprego e renda. Trabalhando com alta tecnologia e produtividade, a instalação dessas empresas mostra claramente que o planejamento que Pernambuco fez lá atrás na atração de um polo automobilístico está dando certo, com muitas empresas vindo se instalar para serem fornecedoras desse polo”, afirmou Paulo Câmara.

Atualmente, a fábrica Benteler conta com 110 funcionários, todos moradores de Pernambuco. O gerente da planta, Vinicius Feresin, no entanto, prevê que o número de postos de trabalho chegará a 156. “Estamos trabalhando 24 horas, pelos sete dias da semana, e posso dizer que temos experiências muito positivas com o povo pernambucano, pois é um povo muito trabalhador”, disse Feresin, destacando que a fábrica irá ajudar a Jeep a produzir 263 mil carros por ano.

Segundo o gerente, a mão de obra, aliada ao incentivo fiscal, foram decisivos para a implantação da empresa em Pernambuco. “Além disso, também existe o incentivo para a compra de matéria-prima. Estamos trazendo tecnologias não vistas antes aqui. Então, acredito que nós vamos contribuir muito com o desenvolvimento de Pernambuco”, concluiu.

CEO da Itaesbra, Giuseppe Luigi Quarta informou que as atividades da fábrica estão previstas para começar até o mês de abril. “Já temos projetos juntos à FCA. Então, iremos iniciar a operação em abril. Para isso, a geração de empregos nessa primeira fase é de 200 funcionários, mas prevemos uma expansão em três etapas, que deve alcançar até 700 postos de trabalho”, calculou.

BENTELER – A Benteler de Pernambuco é a sétima fábrica da empresa em operação no Brasil, sendo a segunda no Nordeste. A primeira na região foi instalada em Camaçari, Bahia. A nova filial foi construída em uma área de 30 hectares e concentrará as demandas da planta FCA/Jeep em Pernambuco, na confecção de estamparia quente. A indústria automobilística tem usado peças estampadas a quente na fabricação de veículos, tanto para aumentar a segurança dos carros como para reduzir a emissão de CO², além de ser uma maneira econômica de obter significativas melhorias em termos de redução de peso e segurança veicular.

ITAESBRA – Já a unidade da Itaesbra, empresa familiar de origem brasileira, fabricante de componentes automotivos fundada em 1956, atuará no processo de estamparia a frio, operando com prensas modernas e totalmente automatizadas com alimentadores e desbobinadores eletrônicos, que processam estampagem convencional de peças (corte, dobra e repuxo), conformação de tubos e fine blank com equipamentos de 40 a 1000 toneladas. Nesse aspecto, para sua planta em Pernambuco, a Itaesbra produzirá peças estampadas pequenas e médias e conjuntos soldados (seis projetos de carros).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.