João Campos: “Vamos utilizar o debate para convencer as pessoas”


Candidato a prefeito do Recife falou que fará as suas propostas chegarem aos eleitores que votaram em outros candidatos no primeiro turno da eleição

O candidato a prefeito do Recife pela Frente Popular, deputado federal João Campos (PSB-PE), afirmou na manhã desta quarta-feira (18) que vai trabalhar pelo voto dos eleitores que escolheram outros candidatos no primeiro turno. Segundo ele, esta segunda fase da eleição dará a oportunidade de fazer as propostas chegarem integralmente àqueles que ainda não conhecem ação por ação do que está programado no seu plano de governo. “Vamos utilizar o debate para convencer as pessoas. Tudo pode ser transformado, mudado. Teremos tempo de fazer as nossas ideias e projetos chegarem a todos os recifenses”, destacou, em entrevista à Rádio YNterativa FM 102,1.

Também tratando sobre os votos a serem conquistados, João explicou que o povo lembra como era a capital das gestões petistas. “O Recifense lembra como era o Recife sem o corredor exclusivo de ônibus, lembra como era feita a limpeza urbana. Não tinha upinha, Hospital da mulher e do Idoso. Entre andar para trás e andar para a frente, as pessoas vão escolher andar para frente, vão escolher o futuro”, salientou, acrescentando que ninguém quer voltar ao tempo onde as “arengas” do PT eram uma constante.

Quando questionado a respeito das promessas de campanha, o prefeiturável esclareceu que é preciso ter responsabilidade, saber fazer conta para alcançar os resultados esperados e beneficiar verdadeiramente aqueles que mais precisam. “Cuidar de uma cidade não é diferente de cuidar da família. Você ama o seu filho, quer dar o brinquedo que ele pede, mas, às vezes, sabe que os recursos que tem só permitem definir o que é prioridade para o momento. Então, na política, a gente tem que ouvir as pessoas e cuidar deles como se fossem filhos. Temos que ver o que podemos fazer com menos recursos para ajudar mais gente. É preciso ter prioridade na vida”, pontuou.

No decorrer da entrevista, João Campos apresentou alguns de seus projetos, programas e obras previstos para os próximos anos. Na saúde, citou a construção do Hospital da Criança, a ampliação na rede de upinhas e a UPA-E de Casa Amarela. Na educação, defendeu a ampliação no número de creches para chegar ao dobro do quantitativo atual e a alfabetização na idade certa (até os 7 anos). Os ouvintes participaram do programa e perguntaram sobre a mobilidade urbana. O candidato, então, se prontificou a implantar a faixa azul de ônibus nos principais corredores da cidade, além de garantir mais 100 km de ciclovias nos próximos quatro anos e o investimento na engenharia de tráfego, entre outras ações.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.