“Meu lado é o lado da democracia. O lado do povo de Pernambuco”, afirma Raquel, ao reforçar compromisso de unir o estado

By 24/10/2022 - 20:24Pernambuco

“Meu lado é o lado da democracia, o lado do povo de Pernambuco. Vamos transformar Pernambuco não com discurso, nem querendo se escorar no candidato a presidente da República”, ressaltou a candidata a governadora, Raquel Lyra, durante debate realizado na TV Guararapes, na noite desta segunda (24). A postulante desmentiu diversas afirmações falsas proferidas pela candidata Marília Arraes (SD), e destacou que vai trabalhar pelos pernambucanos.

“O fato é que Pernambuco precisa de união, de alguém que seja capaz de liderar o nosso processo de transformação. A próxima governadora de Pernambuco será aquela que vai conseguir, por competência, fazer um estado melhor”, acrescentou Raquel.

Ao falar sobre suas propostas para a saúde, a candidata garantiu que vai concluir obras inacabadas, como as do Hospital da Mulher de Caruaru, além de construir cinco grandes maternidades. “Vamos requalificar os hospitais da rede própria e descentralizar e desconcentrar o atendimento, garantindo que as pessoas possam ter acesso à saúde perto da sua casa. A partir de primeiro de janeiro de 2023, vamos trabalhar para zerar as filas de exames e cirurgias”, detalhou Raquel.

Habitação também será prioridade do futuro governo da candidata, que tem o compromisso de construir 50 mil moradias. “Para quem mora nas áreas de risco, nós vamos chegar junto com as prefeituras, sobretudo perto do nosso povo, garantindo obras de drenagem que há muitos anos não são feitas no nosso estado”, afirmou.
Para a rede de proteção às mulheres e a prevenção da violência, Raquel Lyra disse que vai abrir as delegacias 24 horas por dia, sete dias por semana e dobrar a quantidade de delegacias da mulher.

Com um capítulo inteiro voltado ao turismo no seu Plano de Governo, Raquel explicou que vai tratar o turismo e a cultura como agentes estratégicos de desenvolvimento econômico para o nosso estado. “No Recife, na Região Metropolitana, na Zona da Mata dos Maracatus; em Tracunhaém, com a arte do barro; na Missa do Vaqueiro, em Serrita, que nos últimos tempos, sequer, teve dinheiro e apoio do Governo de Pernambuco. Vamos fazer diferente, garantir acesso a crédito, e isso também passa pela infraestrutura, pela qualificação de jovens, pelo acesso à água e pela valorização da cultura e do turismo”, acrescentou.

Raquel também assegurou que vai concluir as obras de barragens para ampliar a oferta de água para todos os pernambucanos. “Vou trabalhar, incansavelmente, para garantir que do Litoral pernambucano, até Petrolina, no Sertão, as pessoas possam ter direito à água na torneira. Água para tomar banho, para cozinhar, lavar roupa, beber e também para empreender na agricultura irrigada, pecuária leiteira e no desenvolvimento para o nosso estado”, finalizou.

Fotos: Janaína Pepeu

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.