Miguel leva crise do transporte público para o debate e cobra Danilo: “vocês tiveram 16 anos e não fizeram nada”

By 26/09/2022 - 21:08Pernambuco
Foto: Max Brito

O candidato ao governo do estado Miguel Coelho criticou o PSB por sucatear o transporte público na Região Metropolitana do Recife em 16 anos de gestão. Ele lembrou que há mais de dez estações do BRT abandonadas, dificultando o deslocamento da população. Além disso, como secretário das Cidades, Danilo Cabral, candidato pelo PSB, destinou R$ 100 milhões no projeto de navegabilidade do Rio Capibaribe, que nunca saiu do papel.

“Danilo, o governo que você representa já está há mais de 16 anos e vocês continuam dando as mesmas desculpas. Você falou de BRT. Tem mais de 10 estações abandonadas. Foi você enquanto secretário que gastou mais de R$ 100 milhões na navegabilidade do Rio Capibaribe e não serve para nada. Nem a questão ambiental você conseguiu atender. Esse grupo que você representa tem que parar de dar desculpas e partir para soluções, como fiz em Petrolina enquanto prefeito”, disse Miguel.

Ele lembrou as ameaças que sofreu durante o processo de licitação da nova empresa de ônibus quando foi prefeito de Petrolina. “Fui ameaçado de morte. Meu secretário levou quatro tiros, ficou entre a vida e a morte, mas eu não desisti e não recuei. Fui para cima das empresas de ônibus e mudei o contrato. Ônibus novos, frota maior, com acessibilidade, WiFi e, principalmente, diminuímos em 20 centavos a tarifa de ônibus que era cobrada em Petrolina. Enfrentamos com coragem e atitude. Vocês tiveram 16 anos para resolver o metrô e não fizeram nada”, afirmou Miguel.

O candidato do União Brasil reiterou que pretende estadualizar o metrô do Recife e implantar a tarifa única no sistema de transporte da Região Metropolitana. “Vamos acabar com a tarifa diferenciada, e as pessoas vão pagar por demanda. Vamos acabar com esse transtorno que é o ir e vir das pessoas aqui na Região Metropolitana”, ressaltou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.