PDT do Recife faz confraternização com lideranças e movimentos sociais


O PDT do Recife realizou nesta quinta-feira à noite uma confraternização, na sede estadual da legenda, que reuniu representantes dos movimentos sociais, lideranças da região metropolitana e dirigentes trabalhistas. O movimento foi organizado pelo presidente trabalhista recifense, Fábio Fiorenzano, e contou com as presenças do presidente estadual e líder da bancada na Câmara Federal, Wolney Queiroz, da vice-prefeita Isabella de Roldão e do ex-deputado Roldão Joaquim, um dos fundadores do PDT em Pernambuco, ainda nos anos 1980.

Abrindo os trabalhos, Wolney destacou a importância dos trabalhistas na construção da democracia no Brasil e reafirmou os compromissos históricos em defesa da classe trabalhadora e dos direitos das minorias. “O que está acontecendo hoje é uma tentativa de desmonte de tudo que foi construído, a muito custo, pelo povo brasileiro. Isto nos obriga a ficar ainda mais vigilantes e atentos e aumenta nossa responsabilidade em Brasília”. O deputado, que está no sexto mandato consecutivo, afirmou que em Pernambuco os trabalhistas têm compromissos com as transformações promovidas em anos recentes pela Frente Popular. “Sabemos da nossa participação nesses avanços e temos certeza que o PDT tem o direito de pleitear um lugar na chapa majoritária a ser montada pela Frente Popular, que terá uma vaga para o Senado”, disse sob aplausos.

Isabella de Roldão salientou a importância da participação feminina na política no Recife e no país. Ela ressaltou que a atual gestão tem fortalecido as políticas afirmativas e defendeu o nome do ex-ministro Ciro Gomes como melhor alternativa para disputar a presidência da República. “Ele tem as melhores ideias e propostas para o Brasil. Eu prefiro Ciro e temos a obrigação de mostrar às pessoas o Plano Nacional de Desenvolvimento”. Já Fiorenzano, reforçou a necessidade de dialogar com as bases do partido para a construção de uma gestão democrática e plural. “Vamos fazer todas as escolhas ouvindo os nossos movimentos. Todas as decisões do PDT são tomadas consultando quem está na base, dialogando diariamente com os segmentos da sociedade”. Ao final, a palavra foi franqueada aos representantes dos movimentos sociais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.