Petrolina: Copergás inaugura sua operação para trazer gás natural ao município

A interiorização do gás natural é uma realidade no Sertão do São Francisco. A Companhia Pernambucana de Gás – Copergás inaugurou em Petrolina, nesta quinta-feira (21), a nova rede de distribuição do combustível que atenderá clientes industriais, comerciais, residenciais e veiculares (GNV). Uma grande indústria de Petrolina já está sendo abastecida com GN: a Gypsum, integrante do Grupo Etex. A Copergás negocia com outras empresas localizadas no Polo Industrial de Petrolina.

“Estamos fazendo história hoje, ao trazer o gás natural para Petrolina, uma das cidades mais dinâmicas do Brasil. E estamos chegando para ficar. Vamos contribuir para o desenvolvimento da região”, disse o presidente da Copergás, André Campos, ao discursar durante a cerimônia de inauguração.

“Estamos muito orgulhosos de tirar do papel um projeto pioneiro no Brasil, que começou ano passado, e hoje é uma realidade. Estamos seguindo o compromisso do governador Paulo Câmara e do secretário de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Julio, de interiorizar o desenvolvimento de Pernambuco, aumentando a competitividade de todas as regiões”, completou André.

O empreendimento em Petrolina é fruto de uma parceria entre a Copergás e a New Fortress Energy, empresa americana que é um dos gigantes mundiais do setor. Presente ao evento, o vice-presidente da New Fortress no Brasil, Marcelo Rodrigues, disse que o projeto pioneiro de Pernambuco “potencializa, e muito, a interiorização do gás”, criando condições de “levar o gás onde não tem”. Ele destacou o pioneirismo da iniciativa. “Trata-se de um empreendimento que vai ser replicado no Brasil inteiro”, afirmou.

A cerimônia de inauguração ocorreu às 11h, na Estação da Copergás, no Distrito Industrial de Petrolina, em terreno que foi doado pelo Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento de Pernambuco – Adepe. Alem de André Campos, também o diretor técnico-comercial da Companhia, Fabrício Bomtempo, e o diretor administrativo-financeiro, Luciano Guimarães comandaram a inauguração. O deputado federal Gonzaga Patriota representou a Câmara dos Deputados, e a deputada estadual, Dulci Amorim, a Assembleia Legislativa. Ambos elogiaram a realização de obras do governo Paulo Câmara em todo o Estado e sugeriram que o gás natural fosse levado também para outros municípios do Sertão.

Também participaram o presidente da Mitsui Gás e Energia do Brasil, Taira Nozaki; o diretor da Gaspetro, Pedro Sampaio; o diretor-geral da New Fortress Brasil, Celso Silva; Jorge Assunção, representando o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho; a prefeita de Dormentes, Jusimara Freitas; o prefeito de Afrânio, Rafael Cavalcanti, a presidente do Sindicato da Indústria do Gesso, Ceissa Campos Costa, além empresários do São Francisco, autoridades locais e representantes das distribuidoras de gás natural da Bahia (Bahiagás) e de Alagoas (Algás).

A rede local de gás natural de Petrolina terá uma extensão de 30 km, passando pela Distrito Industrial, a orla e o centro histórico, seguindo até o aeroporto Nilo Coelho. A previsão é que o primeiro posto combustível com GNV esteja funcionando no município até o final do ano. O gás será transportado pela New Fortress até Petrolina em estado líquido, em caminhões refrigerados. Ao chegar, ele é regaseificado. Em seguida, odorizado e distribuído pela Copergás por meio da rede local de gasodutos.

Garanhuns, no Agreste Meridional, será o próximo município do Estado a receber o projeto de Rede Local de Gás Natural da Copergás. A previsão é que a inauguração ocorra até o final deste ano.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.