Prefeito de Serra Talhada se pronuncia contra postura da Polícia Militar após debate eleitoral

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, foi vítima neste sábado (17/10), de um ato de constrangimento gerado pela Polícia Militar local. Após a realização de um debate entre os quatro candidatos à prefeito do município, promovido pela Rádio Cultura FM, na Câmara de Vereadores, o prefeito, que é do Partido dos Trabalhadores-PT, mesmo partido de sua apoiada Márcia Conrado, foi impedido pela PM de ir a encontro da candidata. A cena foi filmada por eleitores de grupos da oposição e circulada.

Em suas redes sociais, Duque se diz indignado com postura da PM e questiona se como maior autoridade municipal não teria direito de cumprimentar a candidata do seu partido. ‘Vou comunicar à Justiça e ao governador do Estado, porque como autoridade tenho todo direito de estar ali. Em respeito à autoridade policial local eu me retirei”, comentou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.