Prefeitura do Ipojuca anuncia decreto com novas restrições contra o COVID-19

A prefeita do Ipojuca Célia Sales assinou, nesta sexta-feira (15), o decreto nº 762/2021 que dispõe sobre as novas medidas administrativas e sanitárias para o enfrentamento da pandemia do Coronavírus. As decisões foram tomadas após a prefeita ouvir o Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca, baseadas no pedido de apoio do governador Paulo Câmara às prefeituras do litoral pernambucano no combate ao COVID, a fim de que o Governo do Estado não precise tomar medidas mais drásticas como o fechamento das praias.

Entre as determinações da Prefeitura do Ipojuca, está a necessidade de ordenar o fluxo de pessoas nos passeios públicos, por isto, a gestão municipal passou a “proibir a entrada, a circulação, parada e estacionamento de ônibus de turismo, micro-ônibus, vans e similares, nas modalidades day use e city tour aos sábados, domingos e feriados”, exceto o que já se encontrava agendado na Secretaria de Turismo para este fim de semana (16 e 17 de janeiro). O município já estabelecia um limite diário de 16 destes transportes de viagem chegando às praias de Porto de Galinhas, mas agora este acesso está proibido.

Outra medida mais específica, se refere à Vila de Porto de Galinhas. O mais recente decreto estadual, para evitar aglomeração, já havia proibido música ao vivo e som em bares, restaurantes, lanchonetes, inclusive os que se localizam na faixa de areia como as barracas e os carrinhos de alimentos e bebidas. Então, como reforço, a Prefeitura do Ipojuca decidiu que: “ficam suspensas as autorizações/alvarás de funcionamento de bares, restaurante, boates e comércio ambulante, na vila de Porto de Galinhas, no horário compreendido entre 23h e 7h”. Estas e outras determinações descritas no decreto passam a valer a partir da data da publicação do mesmo.

Segue em anexo o decreto:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.