Prefeitura do Recife entrega conjunto de intervenções urbanas na Ilha de Deus

Prefeito João Campos vistoriou requalificação na comunidade, que recebeu ações de arborização, remodelagem de praças com brinquedos, espaços de convivência, entre outras

Manhã de alegria e cores na comunidade da Ilha de Deus, Zona Sul do Recife. Nesta quarta-feira (22), o prefeito do Recife, João Campos, entregou aos habitantes as intervenções promovidas através do Programa Mais Vida nos Morros, como arborização, três praças com brinquedos e mobiliários urbanos, uma pista de cooper, dois espaços de convivência, entre outros. Promovida pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria Executiva de Inovação Urbana, as diversas intervenções realizadas na região duraram nove meses, mudando a cara do local, que é marcado por uma trajetória de luta, resistência e conquistas importantes na história da cidade.

“A Ilha de Deus é um local de lutas, que ao longo do anos foi conquistando muitas coisas a partir de gente aguerrida que mora aqui. Hoje é um dia de muita alegria em poder vir aqui para entregar estas intervenções. A Ilha de Deus já é um espaço muito bonito, com um visual incrível, e agora ficou ainda mais com este trabalho”, destacou João Campos. “E o que chama a atenção aqui é que tudo isso foi feito da união do poder público e dos moradores. Queremos avançar ainda mais nestas intervenções e trazer mais novidades para cá”, acrescentou o prefeito. As obras começaram em fevereiro de 2021 e foram concluídas neste mês de dezembro, promovendo uma comunidade mais arborizada, com mais áreas verdes e agora com três praças repletas de brinquedos e mobiliários urbanos, uma pista de cooper, dois espaços de convivência, um quiosque (espaço para o cozimento de marisco e sururu), um módulo de ginástica e uma moldura instagramável .

“Essa foi uma intervenção integrada do Mais Vida, que atingiu uma série de pontos de convivência da comunidade e polos urbanos. Aqui, pensamos em contemplar elementos urbanísticos como a própria ponte Vitória das Mulheres, que é uma ponte de chegada. Foi uma intervenção grande, que teve uma duração considerável de nove meses e envolveu completamente os moradores da Ilha de Deus na cocriação do que seria feito e como seria feito”, explicou o secretário-executivo de Inovação Urbana, Marcos Toscano.

Além disso, as praças da comunidade foram requalificadas dentro do programa. A Praça Eduardo Campos, situada na Rua Beira Rio, recebeu este nome por escolha dos próprios moradores após passar por uma grande transformação. Se antes não havia nada, hoje o local conta com três mesas redondas com espaço para colocar livros embaixo, composta por um jogo de dois bancos de concreto cada, sendo um conjunto inteiro doado pela empresa Concrepox; dois bancos-sofá na parte superior da praça; um escorrego; um balanço; caixa de areia e; a requalificação dos canteiros existentes. Foram instalados também dois cestos de plástico reciclável e duas cadeiras para o balanço, desenvolvidos pelo programa ReciclaMais, da Secretaria Executiva de Inovação Urbana. “Foi um benefício muito bom para a comunidade. Estávamos precisando para fazer a alegria das crianças. Minha sobrinha se diverte demais, por exemplo. Só gratidão ao prefeito João Campos”, agradeceu Luana Santana, 21 anos, estudante de gastronomia.

O plástico reciclado utilizado no trabalho foi coletado na própria comunidade através de ações como a “Caça ao Plástico”, que estimulou as crianças, além da Feirinha ReciclaMais, onde o morador pode trocar qualquer tipo de plástico por um item como saboneteira, luminária, lixeira, porta-lápis, fruteira, etc., feitos a partir da reciclagem criativa do plástico. O plástico que seria descartado pelos moradores se transformou em utensílios domésticos e mobiliários urbanos, beneficiando a própria comunidade. O espaço ainda conta com a implantação do módulo de ginástica Boa Forma, instalado pela Secretaria de Esportes, que disponibilizará um professor de educação física para auxiliar nos exercícios e tornar as atividades uma rotina na vida dessas pessoas; módulos de ginástica de madeira que foram revitalizados pela Secretaria Executiva de Inovação Urbana; e a pista de cooper que foi construída a partir de do desejo dos moradores de terem um local dedicado a realização de exercícios físicos. “Ficou tudo uma maravilha. Os brinquedos mesmo são uma distração para as crianças da Ilha de Deus. Foi nota mil. As casas pintadas também ficaram lindas. Um projeto lindo. Parabéns aos pintores, ao grafiteiro e a todos que fizeram parte desse projeto. Se a Ilha era linda, agora ficou mais linda ainda”, concluiu Leandro da Silva, 38 anos, marisqueiro.

FOTOS: Diego Nigro / PCR.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.