Prefeitura do Recife reforça rede para casos respiratórios com 126 novos trabalhadores da saúde

Prefeito João Campos fez o anúncio neste 1º de janeiro em visita a Policlínica Professor Barros Lima em Casa Amarela

 

Na manhã deste 1º de janeiro, o prefeito do Recife João Campos visitou a Policlínica e Maternidade Professor Barros Lima, em Casa Amarela. No local funciona um dos Serviços de Pronto Atendimento do município voltado para os casos respiratórios. Na ocasião, o gestor municipal anunciou que vai contratar mais 126 trabalhadores da saúde para a rede municipal devido a epidemia de influenza – H3N2. Um investimento de mais de R$ 1 milhão por mês.

Hoje é dia 1º de janeiro e a gente está visitando aqui a Barros Lima, estou na área da maternidade, mas aqui também funciona um SPA que é um serviço da Média Complexidade e faz o atendimento e o acolhimento das pessoas com doenças respiratórias. A gente está anunciando um incremento de 126 trabalhadores de saúde nas unidades de atendimento para pessoas que estão com sintomas respiratórios. Isso daí vai representar mais de R$ 1 milhão por mês que a Prefeitura vai investir para estar pronta e preparada para o crescimento do número de casos de influenza na cidade. Esses casos têm crescido dos últimos dias para cá, mas não tem crescido o número de casos graves e de óbitos, mas toda a estrutura tem que  estar pronta para fazer esse acolhimento”, explicou o prefeito do Recife. 

Então a gente faz, desde a Atenção Básica, o reforço nas equipes, a Média Complexidade em unidades como essa, a gente está aumentando as equipes que fazem as testagens, tanto para covid quanto para influenza, e a gente também aumentou as equipes do Atende em Casa. Então se você tem algum sintoma pode ligar para o Atende em Casa e todas as orientações serão repassadas. E a gente já está ficando pronto para garantir o atestado pelo Atende em Casa. Com trabalho e com seriedade, a gente vai enfrentando os desafios e desde o dia 1º a gente já vai mostrando qual é o nosso ritmo e qual é o nosso compromisso: trabalhar sempre e com muito respeito à ciência e à vida”, finalizou ele.

Para atender na Atenção Básica do Recife, serão contratados 12 médicos, 10 enfermeiros e 15 técnicos de enfermagem, todos plantonistas. Além disso, outras 13 pessoas serão convocadas para atuarem na área administrativa, totalizando 50 contratados.  Já para a Média e Alta Complexidade, vão ser contratados oito vigilantes diurnos e um vigilante noturno, um total de nove plantonistas.

Para os postos de testagem, a PCR vai contratar 12 enfermeiros, 36 de técnicos de enfermagem, todos plantonistas. Ademais, quatro pessoas, diaristas, serão chamadas para a área administrativa. O total é de 52 pessoas. Por fim, o Atende em Casa terá um reforço de 15 trabalhadores: 10 médicos plantonistas e 5 enfermeiros plantonistas.

Na última segunda-feira (27), o prefeito João Campos se reuniu com a equipe da Secretaria de Saúde (Sesau) do município, em seu gabinete, e determinou a renovação por mais três meses do decreto de calamidade pública relacionado à pandemia. O objetivo foi garantir o reforço das estruturas de atendimento para que os recifenses que estejam com sintomas gripais possam receber a assistência adequada de forma mais rápida e eficiente.

Fotos: Daniel Tavares/PCR

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.