Professor Lupércio quer ampliar investimentos em festivais e na preservação do patrimônio de Olinda

Atual gestão é premiada nacionalmente e resgatou a cultura na cidade
O prefeito de Olinda, Professor Lupércio (SD), tem investido estrategicamente no resgate da cultura olindense. A área é de central importância sobretudo em uma cidade Patrimônio Cultural da Humanidade. No segundo mandato, investimentos serão ampliados e outros projetos serão criados.
Algumas das propostas de Lupércio são: ampliação das ações para preservação dos casarões históricos; requalificação  de  espaços  e  equipamentos  turísticos,  ativos  e  inativos,  visando  o desenvolvimento do turismo no município; troca  e  manutenção da iluminação do Sítio Histórico para valorização dos monumentos do local; promoção  de  exposição  do  acervo  de  obras  culturais  da  cidade  em  mostras  fixas  e itinerantes nos diversos equipamentos públicos.
Com Lupércio a cidade de Olinda vai ter ampliado seu calendário de festividades. O atual prefeito é responsável pela programação anual que já recuperou o potencial turístico da Marim dos Caetés, como Festival  da  Tapioca,  Festival  da  Cerveja  Artesanal, São João, Motofest, Olinda Dá Gosto e outros. Além, claro, do fomento ao Carnaval e de toda cultura olindense.
Na atual gestão, Olinda  recebeu  reconhecimentos  na  esfera  nacional,  sendo  premiada  por  ações  de  relevância no  campo  das  artes,  turismo,  desenvolvimento  e  preservação  histórica.  A  cidade  conquistou o  Prêmio  Nacional  do  Turismo,  conferido  pelo  Ministério  do  Turismo; e  o  Prêmio  Rodrigo  Melo Franco  de  Andrade,  pelo  Iphan.
Algumas iniciativas,  como  o  Projeto  Pinte  o  Seu  Patrimônio,  trouxeram  mais  cores  e  cuidados  aos imóveis  da  Cidade  Alta.  Ademais,  espaços  de  suma  importância  foram  requalificados, modernizados  e  reabriram  suas  portas  após  anos  de  abandono.
Como  exemplo,  temos  o Teatro do Bonsucesso; o Museu do Mamulengo e o Clube Atlântico. A  restauração  de  igrejas,  como  a do Bonfim  trouxe  mais  vida  ao  Sítio  Histórico,  com visitantes oriundos de diversos estados e países.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.