PSB entra com interpelação judicial contra Túlio Gadêlha no STF

O PSB apresentou nesta terça-feira, perante o Supremo Tribunal Federal (STF), interpelação judicial contra o deputado federal Túlio Gadêlha (PDT), para que ele esclareça em juízo as inverídicas acusações que fez contra o partido. No dia 22, pela rede social Twitter, Túlio Gadêlha afirmou que o ex-chefe de gabinete dele teria sido procurado pela coordenação de campanha do PSB, para negociar seu silêncio. No mesmo dia, Rafael Bezerra, então chefe de gabinete do parlamentar, utilizou a mesma rede social para desmentir o deputado e anunciar que estava deixando o gabinete por conta das acusações.

O PSB vai exigir que Túlio comprove judicialmente o que postou na internet. “Isto porque o mandato legislativo não pode ser um cheque em branco para o cometimento de crimes contra a honra das pessoas”, afirma o texto protocolado pelo partido. 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.