Raquel: “O plano de governo de Marília dá pra ler em dois minutos”

By 28/09/2022 - 14:40Pernambuco

Na sabatina da CBN Recife, candidata falou sobre crescimento da campanha e comparação entre candidaturas

A candidata ao Governo de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB), participou, nesta quarta-feira (28), da sabatina da CBN Recife, onde voltou a afirmar que eleição é comparação entre projetos e trajetórias. Mostrando ser a mais preparada para transformar a vida dos pernambucanos e das pernambucanas para melhor, Raquel falou sobre o seu plano de governo, construído de forma colaborativa pela população e especialistas, e pediu para que comparem com o de Marília Arraes, marcado pelo pouco conteúdo.

“O plano de governo de Marília dá pra ler em dois minutos. Pode folhear, tem quatro páginas. A gente tem 70, e não é porque eu enchi linguiça, não. É porque a gente discutiu, discutiu indicadores, como é que a gente transforma o território. Eu já fiz em Caruaru: como é que a gente faz na educação, como é que a gente transforma a saúde, como é que a gente chega à assistência, como é que a gente faz em infraestrutura, tudo está colocado lá. É claro que nós estamos abertos para ouvir sugestões o tempo inteiro e poder aprimorar tudo aquilo que a gente está pensando para Pernambuco. Mas o jogo da eleição ele é um jogo de comparação”, destacou Raquel.

Raquel falou também sobre o desejo de Pernambuco em ter uma governadora mulher, e uma que está perto do povo e debatendo as dificuldades do estado. “Está muito claro que essa disputa é uma disputa de duas mulheres, mas não se pode eleger uma mulher governadora por conta de seu sobrenome, que foge dos debates. A gente precisa ter alguém que consiga ter a capacidade de organizar a casa, de ouvir as pessoas. De transformar sonho em projeto e projeto em realidade, que transforma a vida de gente. Foi isso que eu fiz ao longo da minha vida inteira e me preparei para cada passo que dei”, afirmou.

Raquel lembrou que é servidora pública desde os 20 anos e que, enquanto gestora de Caruaru, adquiriu experiências essenciais para transformar também Pernambuco. “Tive a oportunidade de exercer diversas funções, mas aprendi mesmo sendo prefeita da minha cidade, ali naquele chão, enfrentando a adversidade todo dia. A gente conseguiu mudar para melhor a vida de nossa gente, o que é reconhecido por premiações. Porém, mais do que premiações, pelos depoimentos e pela felicidade do nosso povo. Então eu quero ser governadora de Pernambuco, não por um cargo, mas para poder dar a minha contribuição para fazer de Pernambuco um estado melhor para viver muito bem viver”, finalizou a candidata.

Fotos: Américo Nunes

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.