Santa Cruz da Baixa Verde: Vereador Leque Brás é o único a votar contra projeto de Iluminação LED

By 26/08/2021 - 21:57Sertão do Pajeú

Após um longo debate que levou a Câmara Municipal realizar duas sessões extraordinárias, na tarde desta quinta-feira (26), a Casa Legislativa aprovou o Projeto de Lei 10/2021, autoriza o poder Executivo, contratar operação junto ao Banco do Brasil, para eficientização da Iluminação Pública do município.

O projeto só não foi aprovado por unanimidade, devido o Vereador Leque Brás (PP), ser o único a votar CONTRA, a instalação da tecnologia LED, na iluminação pública da cidade. Na verdade, o Vereador Leque apenas ratificou seu voto contra, como já havia feito, na última segunda-feira (23), quando aconteceu a primeira sessão. Mesmo tendo a oportunidade de mudar o voto, após uma ampla explanação feita, pelo Diretor de Articulação Política, Alexandre Galvão, o vereador manteve o voto contrario.

Leque Brás, nem ao menos justificou seu voto, apenas se posicionou contrario, ao projeto que dará a cidade, inúmeros benefícios como – Segurança, Embelezamento, Economicidade e uma Melhor Gestão na Iluminação Pública Municipal. Leque não atentou a Resolução Normativa Nº 414, da Administração Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que determina que gestão, manutenção, modernização e consumo ativos de iluminação pública que compõe o municipio é de RESPONSABILIDE MUNICIPAL.

O projeto vai contemplar diversas ruas, avenidas, praças e áreas públicas na sede e no Distrito de Jatiúca. Serão trocadas 897 lâmpadas em 825 postes, gerando uma economia entre 60 a 80% para o município.

Hoje mais de 2.500 cidades no país, já implantaram ou estão em processo de implantação da tecnologia LED na iluminação pública “O LED é o presente e o futuro da iluminação, Santa Cruz, terá em breve uma nova iluminação, pois estamos atendo todas as especificações da ANEEL. Vamos dá a Santa Cruz da Baixa Verde à modernidade necessária, com conforto visual, mais segurança através de mais luminosidade. Tudo isso com mais economicidade para os cofres públicos”, afirma o prefeito Irlando Parabólicas.

“O vereador Leque Brás deveria ter acompanhado seus pares e votado sim, oportunidade pra isso, ele teve. Desta forma, teria honrado os votos recebidos da população, principalmente por se tratar de um projeto importante na melhoria da iluminação pública”, disse um dos seus pares. Votaram a favor: Eraldo de Dona Preta (Republicanos), Dr. Marcos (PP), Larissa de Chiquinho (PTB), Paulinho de Jatiúca (PP), Zé de Nanã (Republicanos), Roberto da Paz (Republicanos), Professor Dãozinho (PTB) e o presidente da casa, o vereador Danda Gaia (Podemos)). Como já dissemos o único a votar contra foi o Vereador Leque Brás (PP).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.