Yves Ribeiro faz alerta sobre risco da prática de crime eleitoral na eleição deste domingo em Paulista

O candidato a prefeito de Paulista pelo MDB, Yves Ribeiro, afirmou na manhã deste sábado(28) que vê com preocupação a possibilidade da ocorrência de fatos que venham a comprometer a lisura do processo eleitoral na eleição do segundo turno amanhã no município.
Na última quarta-feira(25), a Coligação Pra Paulista ser Feliz, formada pelos partidos MDB, Rede e PV, encaminhou ofício aos juízes eleitorais de Paulista, à Superintendência da Polícia Federal e ao comandante da Polícia Militar de Pernambuco pedindo providências acauteladoras visando garantir a tranquilidade do processo eleitoral.


Segundo os representantes das siglas que dão sustentação política à postulação do emedebista, foram registrados na eleição do primeiro turno episódios que afrontam gravemente princípios do Direito Eleitoral. “Isso não pode voltar a se repetir no dia de amanhã. Torna-se imperativo uma ação mais enérgica e ostensiva dos agentes públicos civis e militares do que se viu na eleição do dia 15 de novembro, a fim de coibir a prática do crime odioso”, defendeu o prefeiturável.
Para ele, a presença de policiais e viaturas tem o poder de inibir a compra de votos, o boca de urna e o uso de celular, câmara fotográfica e filmadora nas seções eleitorais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.