All Posts By

fernandanegromonte

Coluna FalaPE – Em viés de crescimento, Danilo bate dois dígitos

By ColunaFalaPE No Comments

Na noite desta segunda-feira (27), foi divulgada a pesquisa de intenção de voto da Real Time Big Data para o Governo de Pernambuco. E um fator chamou a atenção: pela primeira vez o candidato governista Danilo Cabral (PSB) atingiu dois dígitos.

O socialista, em pesquisas anteriores, vinha oscilando entre 5% e 8%. Porém, neste último levantamento, ele chegou a 10% das intenções de voto. Mesmo número do pré-candidato Miguel Coelho (UB); e apenas 2% a menos que Anderson Ferreira (PL), que aparece na 3° posição com 12% dos votos válidos.

A pesquisa reflete todo o trabalho desempenhado pelo ex-secretário de educação e sua equipe, em percorrer todo o estado firmando alianças importantes, inclusive com lideranças políticas que pertencem a partidos de oposição.

Com esses resultados, Danilo agora está com menos de 10% de distância para a segunda colocada, Raquel Lyra (PSDB) que tem 18%, e vem se aproximando da líder nas pesquisas, Marília Arraes (SD), que hoje conta com 27% dos votos válidos.

É claro que daqui até o pleito no dia 02 de outubro, ainda resta um certo tempo. Mas uma coisa é certa, com esse crescimento de Danilo, o socialista entra de vez no jogo e afunila ainda mais a disputa pelo Palácio do Campo das Princesas.

O povo quer: quando Danilo vai superar o terceiro lugar?

Coluna FalaPE – São João dos pré-candidatos foi na rua

By ColunaFalaPE No Comments

Com a corrida governista afunilando a cada semana, os cinco pré-candidatos a governador aproveitaram o final de semana de São João, para visitar festividades por todo o estado.

Líder nas pesquisas de intenção de voto, Marília Arraes (SD) concentrou sua agenda no sertão, visitando o São João das cidades de Salgueiro, Arcoverde, Araripina e Granito. A ex-petista também aproveitou para dar um pulo em Caruaru, e prestigiar o São João da cidade, considerado um dos melhores do país. Marília teve a companhia do pré candidato ao senado, André de Paula (PSD), em sua agenda junina.

Falando em Caruaru, a ex-prefeita da cidade, Raquel Lyra (PSDB) se fez presente no São João da capital do agreste, mas também deu um pulo em outras festividades juninas, como em Petrolina, Bezerros, Santa Cruz do Capibaribe, e Vitória de Santo Antão.

Já o pré-candidato Miguel Coelho (UB) se concentrou mais no São João de Petrolina, cidade em que até pouco tempo atrás era prefeito. Miguel esteve em todos os dias juninos do evento, tendo inclusive na sexta-feira (24) subido no palco e feito um dueto musical com o cantor Wesley Safadão, uma das atrações da festa. E neste domingo (26) participou da Missa do Vaqueiro.

Anderson Ferreira (PL), teve um São João bem agitado. Na quinta-feira (23), o pré-candidato recebeu em Caruaru a visita do presidente Jair Bolsonaro, que foi até a capital do agreste para prestigiar seu São João, e realizar uma de suas tradicionais motociatas na companhia de apoiadores. Anderson ainda passou pelos municípios de São Joaquim do Monte e Santa Cruz do Capibaribe, sempre na companhia do pré-candidato a senador, Gilson Machado Neto (PL).

Por fim, Danilo Cabral (PSB) esteve no município de Vitória de Santo Antão, e fez agenda também no agreste em Gravatá na companhia do prefeito Joselito Gomes, e em Santa Cruz do Capibaribe neste domingo (26), onde ao lado do prefeito Fábio Aragão aproveitou a festividade.

O povo quer saber: qual dos pré-candidatos mais acertou na agenda de São João?

Coluna FalaPE – Todo mundo quer Dudu

By ColunaFalaPE No Comments

Em época de definição de aliança e formação de chapas, uma coisa é certa; todo mundo quer ter do seu lado, o deputado federal e presidente estadual do PP, Eduardo da Fonte.

O robusto grupo progressista, que conta com 10 deputados estaduais, 2 federais e mais de 20 prefeitos, está fazendo os pré-candidatos ao governo estadual lutarem para tê-lo no palanque.

O deputado federal e pré-candidato a vice de Marília, Sebastião Oliveira, já concedeu entrevista afirmando que considera Dudu um irmão e vai fazer de tudo para puxá-lo.

Já o PSB, reagiu e costurou forte a permanência do maior aliado. Nos últimos dias, alguns palacianos ficaram animados com as conversas.

A verdade é Dudu atingiu um tamanho de causar inveja e seu apoio tende a ser um divisor de águas.

Se for para oposição, leva o respaldo e tamanho político que falta.

Se ficar, frustra a oposição e fortalece ainda mais a estrutra de Danilo que promete tratorar os adversários.

Além disso, Dudu está empenhado em eleger também seu filho, o jovem promissor Lula da Fonte, que mesmo sem mandato, já tem mais prefeitos que muitos deputados federais. Com dois mandatos na mesma casa, o presidente estadual dobrará seu peso em Brasília.

Os aliados comentam que o PP fará quatro federais, podendo eleger o quinto. Já no estado, o partido deve manter a média dos últimos anos, variando entre 20 e 25% das vagas na Alepe.

O povo quer saber: para onde Dudu vai?

Coluna FalaPE – Exclusivo: Amigos devem se enfrentar na disputa pelo Senado

By ColunaFalaPE No Comments

Em Caruaru, durante as várias noites de São João pelo camarote do prefeito Rodrigo Pinheiro, por onde passaram todos os pré-candidatos ao governo, não se falava em outra coisa: dois amigos devem brigar pela única vaga de senador que Pernambuco tem direito. São eles o ex-senadores Armando Monteiro Neto e Douglas Cintra, empresário que foi seu suplente.

Armando, agora no PSDB, já aceitou voltar a disputar a Casa Alta pelo PSDB, que vai lançar a ex-prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, ao Palácio do Campo das Princesas. Armando, que aparece à frente nas pesquisas, até pelo seu recall de ter disputado duas vezes para governador, topou o desafio.

A novidade na corrida é Douglas Cintra, que vai compor a chapa encabeçada pelo ex-prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, que ainda terá a deputada estadual Alessandra Vieira na vice. Douglas atendeu ao chamado de Miguel, e sairá pelo Podemos.

Amigos pessoais, Armando e Cintra, pelos caminhos da política, vão ter de digladiar não eleição deste ano. Será que eles vão preservar a amizade? Ou vão pra disputa fratricida do tipo vale tudo? Ainda é cedo para certeza. Mas sabe-se que nesse caso a briga será boa.

O povo quer saber: quem terá mais votos, Armando ou Douglas Cintra?

Coluna FalaPE – Waldemar Oliveira ganha força para deputado federal

By ColunaFalaPE No Comments

De família de tradição na política: pai deputado estadual e irmão ex-estadual e hoje federal, Waldemar Oliveira tem se destacado cada vez mais na política pernambucana.

Advogado e empresário, Waldemar é o presidente do AVANTE em Pernambuco, e junto com seu irmão, o deputado federal Sebastião Oliveira, tem dado outra cara para a legenda no estado. Antes de assumir a presidência, o partido não tinha nenhum prefeito eleito, e hoje já conta com 10 gestores espalhados pelas regiões.

No ato que oficializou Sebá na vice de Marília, também foi lançada a pré-candidatura de Waldemar a deputado federal.

Experiente, colocou o pé na estrada para garantir o apoio dos prefeitos que votavam em Sebá. Por onde passa, é bem recebido e tem garantido os votos.

Alem disso, a conjuntura política deu um “plus” de dar inveja a qualquer candidato: Waldemar conseguiu alguns prefeitos de André de Paula, de forma que entra no hall dos que terão mais prefeitos pedindo votos.

O presidente estadual do Avante tem tudo para dar prosseguimento ao exitoso trabalho do irmão em Brasília, e caso Marília seja eleita, contará com um aliado de primeira hora.

O povo quer saber: quantos votos Waldemar terá para federal?

Coluna FalaPE – Danilo mostra força no reduto de Raquel

By ColunaFalaPE No Comments

Pré-candidato da Frente Popular ao Governo de Pernambuco, Danilo Cabral (PSB) tem rodado por todas as regiões do estado, e nesta sexta-feira (17) a parada foi na região de um seus adversários.

Ex-prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB) tem muita força no Agreste Central. No entanto, Danilo não se mostrou intimidado e juntou mais de cinco mil pessoas em um ato na cidade de Bonito, mostrando que o município apoia sua pré-candidatura.

Outro ponto importante, foram os apoios de prefeitos das bases oposicionistas. Neste giro, o socialista selou apoio com um prefeito do PL, partido de Anderson Ferreira e do presidente Bolsonaro, e um prefeito do PSD, partido que faz parte da coligação de Marília Arraes.

“A gente está acompanhando; a gente está junto com Danilo Cabral nessa caminhada que vai levar à vitória no dia 02 de outubro”, ressaltou um dos gestores.

O ato em Bonito, e os apoios conquistados de prefeitos das bases oposicionistas, mostra que Danilo não está para brincadeira, e vai brigar forte para conquistar todo o apoio possível em prol da sua candidatura, não importa a região de onde tenha que buscar.

“A pegada vai ser essa. Nossa pré-campanha vem em uma crescente muito bonita. Eu não tenho dúvida que serei governador a partir de janeiro de 2023. Vamos eleger Teresa senadora e promover um reencontro do Brasil com Pernambuco fazendo Luiz Inácio Lula da Silva presidente novamente. O Agreste Central terá um governador que não sairá das ruas. Vou liderar esse conjunto de ações que vai aprofundar as conquistas que temos garantido desde 2007, com o saudoso Eduardo Campos”, declarou o pré-candidato.

Coluna FalaPE – Raquel bate o pé e reafirma pré-candidatura

By ColunaFalaPE No Comments

A ex-prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, bateu o pé e desautorizou os aliados a cogitarem uma eventual desistência dela de concorrer a governadora. Vice-líder na corrida pelo Palácio do Campo das Princesas, Raquel disputa com reais chances.

Para lograr êxito, Raquel vai insistir na polarização com o pré-candidato da Frente Popular, Danilo Cabral. Ela vai se vender como gestora eficiente utilizando sua gestão à frente da Prefeitura de Caruaru.

Raquel até admite conversar com colegas da oposição, a exemplo de Ander Ferreira, Miguel Coelho e Marília Arraes, mas nunca para retirar a sua pré-candidatura, sempre no sentido de ampliar o palanque com a adesão daquele político em questão.

A caruaruense deve fechar a sua chapa com outra mulher na composição: a deputada estadual Priscila Krause, que será a vice. Além dela, o ex-senador Armando Monteiro deve ser candidato a mais um mandato na Casa Alta.

O povo quer saber: qual a real chance de Raquel vencer esta eleição?

Coluna FalaPE – O mito de Eduardo Campos é majoritário na eleição de 2022

By ColunaFalaPE No Comments

Infelizmente, Eduardo Campos faleceu em 2014, há quase oito anos. Duas eleições gerais depois, o mito do ex-governador continua ainda muito vivo. Todos os cinco principais pré-candidatos ao governo deste pleito têm, em maior ou menor grau, uma ligação com Eduardo.

Vamos começar pelo nome da situação. Danilo Cabral militou ao lado de Eduardo por mais de 30 anos. Foi um dos seus principais assessores por onde Campos passou, tornando-se um amigo de todas as horas. Danilo foi vereador do Recife apoiado por Eduardo, secretário nos dois governos – no primeiro, comandou a Educação, a menina dos olhos do chefe.

Também formada na escola política de Eduardo, Marília Arraes é prima legítima de Campos. Foi pelas mãos de Eduardo que Marília passou a ocupar cargos nos governos do PSB. Eduardo morreu brigado com Marília.

Filha do ex-governador João Lyra Neto, vice de Eduardo por duas vezes, Raquel Lyra entrou na política e passou a exercer funções nos governos do PSB sob as bençãos de Campos. Já deputada estadual, a ex-prefeita de Caruaru rompeu com seu antigo partido, o PSB, em 2016. Mas o rompimento não a impede de, sempre que pode, elogiar Eduardo na tentativa de se vincular ao ex-governador.

Miguel Coelho cresceu vendo o pai, Fernando Bezerra Coelho, ser um dos principais aliados de Eduardo. Como o irmão Fernando Filho, o ex-prefeito de Petrolina não esconde sua admiração por Eduardo e nem o quanto ele influenciou a sua vida pública. Nas duas primeiras eleições, deputado estadual (2014) e prefeito de Petrolina (2016), Miguel disputou pelo PSB.

Até o ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, um neo-bolsonarista ferrenho, iniciou sua vida pública na base de Eduardo. Anderson elegeu deputado federal pela primeira vez (2010) no chapão da Frente Popular comandado por Campos.

O povo quer saber: qual o peso de Eduardo na eleição de 2022?