All Posts By

fernandanegromonte

Coluna FalaPE – Ao assumir presidência do Consórcio Nordeste, Paulo Câmara endurece com Governo Bolsonaro

By ColunaFalaPE No Comments

Opositor ferrenho do Governo Bolsonaro desde seu início, em janeiro de 2019, o governador Paulo Câmara voltou a criticar o executivo federal após ser empossado como presidente do Consórcio Nordeste.

“Estamos cumprindo um papel político essencial, servindo de contraponto a um governo federal que paralisou as políticas públicas de educação, segurança e cidadania; e evidenciou, no combate à pandemia, sua face mais desastrosa”, disparou Paulo Câmara.

O pernambucano assume a presidência do Consórcio em mais um momento de tensão na pandemia, quando os casos de Covid disparam e políticos discutem aplicação da Coronavac em crianças.

Após a posse, o governador mandou uma solicitação, nessa quinta-feira (20), ao Ministério da Saúde para que o órgão envie mais doses de vacina da Coronavac. Dessa forma, os estados poderão vacinar crianças e adolescentes.

“Peço que o Ministério da Saúde realize compra das referidas vacinas já disponíveis no Instituto Butantan e proceda a distribuição entre os estados conforme o Plano Nacional de Imunização”, disse o governador.

O povo quer saber: Paulo Câmara se cafifou para ser ministro após deixar seu atual cargo?

Coluna FalaPE – Bruno Araújo confirma candidatura de Raquel

By ColunaFalaPE No Comments

Presidente nacional do PSDB, o pernambucano Bruno Araújo cravou, nesta quinta-feira (20), que a prefeita Caruaru, Raquel Lyra, será mesmo candidata ao Governo de Pernambuco. O líder partidário foi categórico ao afirmar que a correligionária não desistiu de concorrer e está vivíssima no páreo.

“Semana que vem nós estamos fazendo uma reunião no partido com a radiografia das nossas posições no Brasil. Candidaturas importantes no Nordeste, como em Pernambuco. Uma jovem prefeita de Caruaru, brilhante, admirada dentro do partido, Raquel Lyra; sobrinha do ex-deputado federal, Fernando Lyra”, afirmou Bruno Araújo

Raquel, ao longo dos últimos meses, vem promovendo e participando de eventos do movimento Levanta Pernambuco. Bloco oposicionista contrário à Frente Popular, o movimento, além de Raquel, reúne outros nomes importantes de oposição como a deputado estadual Priscila Krause e o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, que também deve encarar uma disputa majoritária.

A boa gestão que Raquel vem fazendo desde que assumiu a prefeitura da capital do Agreste, em 2017, e seu bom desempenho nas pesquisas de intenção de voto realizadas até então, foram determinantes para ela ter o apoio de seu partido para encabeçar aquela que promete ser a principal chapa de oposição nessas eleições para o governo do estado. Agora, com a confirmação de Bruno Araújo, é esperar para ver como ficará desenhado o principal palanque da oposição.

O povo quer saber: quem vai compor a chapa de Raquel nas vagas de vice e Senado?

Coluna FalaPE – PSB entra na reta final para anunciar candidato

By ColunaFalaPE No Comments

A escolha do candidato da Frente Popular à sucessão do governador Paulo Câmara está afunilando para o nome do PSB que será indicado. O chefe do Executivo tem ouvido lideranças partidárias de toda a coligação para chegar na sua escolha.

O governador continua fazendo uma ausculta aos partidos da base, apresentando suas razões e ouvindo contribuições dos aliados.

Habilidoso e com o controle da situação, Paulo Câmara tem costurado um nome que vai contemplar os anseios do grupo político que ele lidera, de modo que o candidato do PSB e, consequentemente, da Frente Popular, venha a reunir todas as condições para entrar forte na disputa pelo Palácio do Campo das Princesas.

A respeito da declaração do ex-presidente Lula, de que o senador Humberto Costa e a deputada federal Marília Arraes são bons nomes para o governo, sabe-se que a fala do petista foi mais no sentido de valorizar seu partido, assegurando um lugar na majoritária (vice ou Senado), do que propriamente para lançar uma candidatura.

Janeiro segue e até o final do mês deveremos ter não apenas o candidato a governador – que será do PSB – anunciado; mas a chapa completa que a Frente Popular apresentará aos pernambucanos.

O povo quer saber: o candidato a governador do PSB será um deputado federal ou um secretário?

Coluna FalaPE – Guilherme Uchôa Júnior se destaca na política e vem forte para federal

By ColunaFalaPE No Comments

Filho e herdeiro político do ex-deputado Guilherme Uchôa, Guilherme Uchôa Júnior vem percorrendo todo o estado em busca de formar alianças e uma base eleitoral forte para as eleições de outubro. Júnior Uchôa, como é mais conhecido, mesmo entrando na política desde cedo, seguiu um caminho diferente de outros herdeiros políticos. Inicialmente, ele optou por atuar mais nos bastidores e dando prioridade à sua carreira como empresário, que terminou por ser bem sucedida.

Porém, quando o mandato de deputado estadual de seu pai estava no fim, Júnior Uchôa decidiu que entraria de vez na política e iria concorrer a deputado federal em 2018. Pois, para ele, com seu pai como estadual e ele federal, poderiam atrair recursos para Pernambuco através de emendas impositivas e outras benfeitorias, pois compreendia que os prefeitos precisavam de um volume de recursos maior que um deputado estadual pode oferecer.

No entanto, até como maneira de honrar o legado do pai, após o falecimento de Guilherme Uchôa, Júnior se candidatou (e venceu) para deputado estadual em 2018. Mas o desejo de ocupar uma cadeira na Câmara Federal em Brasília ainda continuava em sua cabeça. Pensando nisso, o deputado vem desde o ano passado percorrendo os municípios pernambucanos em busca de formar alianças sólidas para sua campanha a deputado federal neste ano; e vem conseguindo ter êxito em suas andanças.

Atualmente, sua pré-candidatura a deputado federal, já conta com o apoio de sete prefeitos, mais de 135 vereadores, ex-prefeitos e vice- prefeitos; consolidando até esse fim de semana apoio em 55 cidades. Estando presente nas cinco regiões do estado.

Ainda é cedo para se cravar uma votação; contudo, é esperado uma campanha muito boa, que pode atrair muitos votos e assim colocar alguém em Brasília com propostas para fazer um Pernambuco melhor, trazendo marcas desenvolvimentistas e progressistas para o Estado.

O povo quer saber: quais são os novos apoios que Júnior Uchôa está fechando?

Coluna FalaPE – Tiago Pontes colhe frutos de trabalho realizado pelos municípios de Pernambuco

By ColunaFalaPE No Comments

Ex-secretário nacional de Mobilidade Urbana do Ministério do Desenvolvimento Regional, Tiago Pontes vem colhendo frutos de seu trabalho em prol dos municípios pernambucanos.

Com atuação na Mata Sul, Tiago surgiu como uma liderança na região, que, por sinal, está esquecida e sem representante na Assembleia Legislativa, lugar este que ele tentará ocupar uma vaga de deputado estadual, a partir de 2023.

Tiago tem vasta experiência. Chegou também a ser superintendente da CBTU Recife, onde realizou várias ações para melhorar o modal; demonstrando sempre preocupação com a mobilidade urbana e melhorias no transporte público.

Na época em que foi secretário, Tiago ajudou prefeitos de todas as regiões do Estado na viabilização de ações e investimentos junto ao Governo Federal. Nos quase dois anos em que ficou à frente da pasta, Tiago sempre demostrou atenção pelo Estado, sendo um dos principais elos dós pernambucanos em Brasília.

Toda essa atenção atraiu diversos prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e outras lideranças para o grupo político de Tiago, impulsionando assim sua candidatura a deputado estadual.

O povo quer saber: quantos votos Tiago Pontes terá para deputado estadual?

Coluna FalaPE – Contra tudo e contra todos, Miguel engrossa o caldo e mantém candidatura a governador

By ColunaFalaPE No Comments

Contra tudo e contra todos, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, engrossou o caldo, bateu o pé e manteve sua pré-candidatura ao Governo de Pernambuco viva. Parece que o filho do senador Fernando Bezerra Coelho não vai retroceder como querem seus colegas oposicionistas.

Ao Blog do Magno, o prefeito disse que sua candidatura é um “caminho sem volta”. “Agora é cair na estrada, conhecer a história das pessoas que mais precisam, estar trabalhando para vencer as eleições deste ano, formar uma grande chapa e eleger o maior número de deputados federais e estaduais”, cravou Miguel, que já retomou suas andanças pelo interior.

Nos bastidores, as informações de Petrolina são as de que o prefeito já organiza um grande ato político para marcar a transferência do cargo para seu vice, Simão Durando, no início de abril, como determina a Justiça Eleitoral. Simão é cria de FBC e a prefeitura continuará sob o comando do grupo político do senador.

Nem as supostas tentativas do pai e do irmão, o deputado federal Fernando Filho, de demovê-lo da ideia de ser candidato estão sendo suficientes para Miguel recuar. O fato dele está bem atrás nas pesquisas de intenção de voto tampouco.

O prefeito de Petrolina está decidido a ir para embate, perdendo ou ganhando. Isso mostra que ele tem coragem. E está certo; só vence disputa majoritária quem mete as caras e vai! Em Petrolina, ele não tem mais para onde ir. Já foi eleito e reeleito com uma gigantesca aprovação popular; entrando para história como um dos melhores prefeitos da cidade.

Miguel era adolescente na época, mas lembra bem que foi assim, metendo as caras, que Eduardo Campos tomou o governo da antiga União Por Pernambuco em 2006. Largou com 4%, sem muito dinheiro, com um outro candidato na oposição, e muita vontade de ganhar. Na época, FBC foi um dos principais articuladores de Eduardo; sendo responsável por coordenar a campanha no Sertão. O Miguel de 2022 sonha acordado com 2006.

O povo quer saber: Miguel está certo em disputar o cargo de governador de todo jeito?

Coluna FalaPE – Com o AMA Carnaval, João Campos faz gesto concreto com artistas e produtores culturais

By ColunaFalaPE No Comments

Impedidos de trabalhar em decorrência das restrições impostas pela covid, artistas e produtores culturais do Recife não ficaram sem receber no período momesco graças à visão do prefeito João Campos. Depois de confirmar a impossibilidade de realização do seu Carnaval popular, suspenso em função do atual quadro sanitário, o prefeito assinou, em evento no Forte das Cinco Pontas, o Projeto de Lei que cria o plano AMA Carnaval, iniciativa dedicada à cadeia produtiva do ciclo momesco e que se divide em três dimensões: Apoio, Monitoramento e Ativação.

Na prática, João Campos está mostrando como esses profissionais são valorizados pela sua gestão. A iniciativa, que envolve investimentos da ordem de R$ 10 milhões em recursos exclusivamente próprios, vai contemplar coletivos como agremiações e atrações artísticas que participaram do Carnaval recifense em 2019 e/ou 2020, que terão direito a 100% da subvenção ou cachê (valor unitário) recebido pela sua participação na programação. Na categoria de beneficiários individuais, será pago um valor fixo, tendo como referência um salário mínimo. O PL será encaminhado à Câmara Municipal do Recife.

O plano representa mais do que o triplo de incremento financeiro em relação ao ciclo momesco do último ano, quando foi criado o Auxílio Municipal Emergencial – AME Carnaval do Recife, orçado em R$ 4 milhões, sendo R$ 2,5 milhões em recursos próprios e o restante fruto de parceria com a iniciativa privada mediante patrocínio. O AMA também irá contemplar técnicos e demais trabalhadores que atuam nos bastidores das apresentações artísticas na preparação e realização da festa, além dos brincantes que participam dos concursos carnavalescos.

“O que o Recife fez foi com muita responsabilidade, com sensibilidade de ouvir, construir uma alternativa segura. Nós anunciamos a suspensão do Carnaval e agora, de maneira imediata, já lançamos o Recife Ama Carnaval, que é muito mais que um auxílio. A gente vai fazer a contratação através de um pagamento de prêmio com valor de 100% do cachê dos artistas, agremiações, dos trabalhadores de som, de luz, de quem ajuda na estrutura de montagem de palco, todo mundo vai ser contemplado. Com isso a gente vai investir dez milhões de reais nessa ação e conseguir garantir a suspensão do Carnaval com segurança. E quando tivermos segurança de novo na realização de eventos, de encontros, vamos poder fazer eventos celebrativos com referência ao Carnaval, valorizando a nossa cultura”, afirmou João Campos.

O povo quer saber: outros municípios vão aproveitar a experiência positiva do Recife nessa área?

Coluna FalaPE – Lucas Ramos desponta com candidatura forte a deputado federal

By ColunaFalaPE No Comments

Terminando seu segundo mandato como deputado estadual, o sertanejo Lucas Ramos está pronto para disputar uma vaga em Brasília, na Câmara Federal. Lucas vem de dois mandatos de destaque no Legislativo pernambucano e uma passagem exitosa pela Secretaria estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação; cargo que ocupa até o final de março, em virtude do prazo legal.

A decisão já está tomada: é preto batido e ponha virada! Lucas vai concorrer a deputado federal com o respaldo de uma atuação que vai além do seu berço político, o Sertão. Hoje, ele está estabelecido como uma liderança importante em todas as regiões do estado; da metropolitana ao Araripe.

Na Assembleia Legislativa, Lucas Ramos presidiu importantes comissões e ocupou o cargo de vice-líder do governo na Casa Joaquim Nabuco; o que lhe deu visibilidade e o fez ampliar o relacionamento junto aos pares. A juventude não foi empecilho para que Lucas tomasse decisões importantes e se posicionasse como firmeza no Parlamento.

Some-se a isso dois anos de destaque na secretaria do Governo Paulo Câmara. Na sua gestão, a Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia no Estado de Pernambuco (Facepe) bateu mais um recorde histórico de investimentos. Em 2021, foram lançados 30 editais, que somam R$ 78 milhões em aportes públicos.

“Estamos mostrando ao Brasil que priorizar políticas públicas de CTI é garantir efetividade no combate às desigualdades e promover desenvolvimento social, econômico e sustentável”, destacou Lucas Ramos, que levará uma bagagem importante na disputa por assento em Brasília.

O povo quer saber: em quantas cidades Lucas será majoritário?